Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Fernando Alonso é confirmado na Renault e estará de...

FÓRMULA 1 – Fernando Alonso é confirmado na Renault e estará de volta à categoria em 2021

212

 3 min de leitura

(Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Piloto vai retornar não só para a F1, mas para a equipe que possibilitou o seu bicampeonato.

A Renault anunciou esta manhã que Fernando Alonso vai assumir o lugar de Daniel Ricciardo para a temporada 2021 da Fórmula 1, e será o novo parceiro de Esteban Ocon, após meses de especulações. Ricciardo vai correr pela Mclaren no ano que vem e como a vaga estava em aberto, a escuderia francesa decidiu trazer o espanhol de volta.

O chefe da Renault, Cyril Abiteboul, comentou sobre o motivo da contratação de Fernando, e disse que o piloto estará na linha de frente para ajudar a equipe a se preparar para as mudanças no regulamento da Fórmula 1, a partir de 2022.

[…] A força do vínculo entre ele, a equipe e os fãs faz dele uma escolha natural. Além do sucesso no passado, é uma escolha mútua ousada e um projeto para o futuro. Sua experiência e determinação nos permitirão tirar o melhor proveito um do outro para levar a escuderia à excelência exigida pela moderna Fórmula 1Ao lado de Esteban, sua missão será ajudar a Renault F1 a se preparar para a temporada de 2022 nas melhores condições possíveis“, disse Abiteboul.

Fernando Alonso também falou sobre seu retorno à escuderia francesa, em entrevista à Fórmula 1. “A Renault é minha família, onde tive minhas melhores lembranças na Fórmula 1 com meus dois títulos mundiais, mas agora estou olhando para o futuroÉ uma grande fonte de orgulho e com uma imensa emoção estou retornando à equipe que me deu a chance no início da minha carreira e que agora me dá a oportunidade de retornar ao mais alto nível“, afirmou Alonso.

O espanhol comentou sobre a mudança que está por vir na categoria em 2022 e deseja subir em pódios com a Renault novamente, assim como era no passado. “Tenho princípios e ambições alinhados ao projeto da equipe. Seu progresso neste inverno dá credibilidade aos objetivos da temporada de 2022 e vou compartilhar toda a minha experiência de corrida com todos, desde engenheiros até mecânicos, além de meu companheiro [Esteban Ocon]. A Renault quer e tem os meios para voltar ao pódio, assim como eu”, finaliza Fernando.

(Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Alonso estreou na categoria pela Renault em 2003 e permaneceu na equipe até 2006, onde nesse ínterim, conquistou duas vitórias no campeonato de pilotos (2005 e 2006). Em 2007, Alonso esteve na Mclaren, mas um ano depois, em 2008, Fernando retornou para a escuderia francesa e ficou até o final da temporada 2009, antes de ir para a Ferrari, ao lado de Felipe Massa.

O período na equipe do cavalo empinado durou até 2014, já que a partir de 2015, retornou à Mclaren e permaneceu até o fim da temporada 2018, onde no último GP, em Abu Dhabi, fez uma despedida emocionante, com direito a uma pintura comemorativa em seu MCL33, por ser a última corrida na equipe britânica. Após a bandeirada final, Alonso fritou pneus de forma circular, ao lado de Hamilton e Vettel, estes que foram seus parceiros de equipe durante sua trajetória na Fórmula 1.

Fernando Alonso se despede da Fórmula 1 após o GP de Abu Dhabi, em 2018 (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Até o momento, não há informações sobre a duração do contrato de Fernando Alonso com a Renault, mas geralmente, o contrato inicial dura 2 anos, e provavelmente este deve ser o período em que o espanhol estará na equipe.

A confirmação de Alonso na escuderia francesa significa mais uma porta fechada para Sebastian Vettel, que por enquanto está sem assento para a próxima temporada, já que a Ferrari anunciou em maio que não renovará o contrato do alemão e que Carlos Sainz vai ocupar o seu lugar.