Início Destaque FÓRMULA 1 – Carlos Sainz é confirmado como novo piloto da Ferrari...

FÓRMULA 1 – Carlos Sainz é confirmado como novo piloto da Ferrari para 2021

71

 3 min de leitura

(Foto: Divulgação)

Dois dias depois do anúncio de que Vettel deixará a Ferrari no final deste ano, o substituto do alemão é divulgado pela escuderia de Maranello.

A Ferrari anunciou esta manhã que Carlos Sainz vai se juntar a equipe italiana, em um contrato de dois anos, para disputar a temporada 2021 e 2022 da Fórmula 1, ao lado de Charles Leclerc (garantido na Ferrari até 2024). Sebastian Vettel não teve seu contrato renovado com a escuderia e, por enquanto, está sem lugar para o ano que vem.

Sainz, contente com a notícia, comentou: “Estou muito feliz por estar me dirigindo para a escuderia Ferrari em 2021 e estou animado com o meu futuro com a equipe. Ainda tenho um ano importante pela McLaren e estou realmente ansioso para voltar a correr com eles nesta temporada.”

O chefe da Ferrari, Mattia Binotto, destacou o motivo da escolha do piloto espanhol para assumir o lugar de Vettel: “Com cinco temporadas já atrás dele [no sentido de experiência], Carlos provou ser muito talentoso e mostrou que tem a capacidade técnica e os atributos certos para torná-lo um ajuste ideal com a nossa família.

Iniciamos um novo ciclo com o objetivo de voltar ao topo na Fórmula 1. Será uma longa jornada, não sem dificuldades, especialmente devido à atual situação financeira e regulatória, que está passando por uma mudança repentina e exigirá que esse desafio seja enfrentado de maneira diferente do passado recente.

Acreditamos que um piloto emparelhado com o talento e a personalidade de Carlos e Charles, o mais jovem nos últimos cinquenta anos da escuderia, será a melhor combinação possível para nos ajudar a alcançar as metas que estabelecemos.”

(Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Lando Norris, atual parceiro de Sainz na Mclaren, se despediu do parceiro em suas redes sociais: “Adeus amigo! Foi só um ano, mas foi um prazer. Nós demos boas risadas e fizemos algumas memórias. Dê tudo de si mano e vamos dar a despedida que você merece.”

A decisão da Ferrari de contratar Carlos Sainz na Ferrari parece errada, já que Daniel Ricciardo (anunciado para assumir o lugar de Carlos na Mclaren) tem mais experiência do que o espanhol. Mas a temporada 2019 revelou o potencial de Sainz enxergado por Mattia Binotto: na classificação final de pilotos, Carlos ficou em 6º lugar, atrás apenas dos líderes das principais equipes, ou seja, foi o melhor piloto do meio-campo.

Como já dito pelo jovem espanhol de 25 anos, Fernando Alonso sempre foi seu ídolo, e, ao se juntar a Ferrari no ano que vem, Sainz se tornará o próximo de nacionalidade espanhola a ingressar na escuderia italiana.

Desde 2008, a Ferrari não ganha um campeonato de pilotos na Fórmula 1, mesmo com a entrada de Alonso em 2010 e de Vettel em 2015. Caso Charles Leclerc não ganhe a temporada 2020 (que poderá iniciar em julho), as esperanças podem recair sobre Carlos Sainz, que terá muito a provar ao entrar no carro vermelho da equipe italiana em 2021.

(Foto: Fórmula 1/Divulgação)