Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP do Japão – 2016

FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP do Japão – 2016

112
Foto: Twitter F1 Oficial
Foto: Twitter F1 Oficial

E chegamos à 17ª etapa do mundial de Fórmula 1. Grande Prêmio do Japão, como sempre, nos agrada pela disputa e emoção. Este ano não foi diferente, ao menos na primeira metade da prova e no finalzinho com a perseguição de Hamilton em Verstappen! Veja como foi a prova em Suzuka!

Largada com Nico Rosberg na ponta, Lewis ao seu lado. Segunda com Verstappen e Ricciardo. Perez, Vettel, Grosjean, Kimi, Hulkenberg e Gutierrez fechando o TOP 10. Kimi foi punido pela troca de câmbio e perdeu algumas posições. Felipe Massa saiu da 12ª posição e Nasr apenas em 20º.

Antes da corrida, Lewis Hamilton, ao ser perguntado como iria parar Nico Rosberg, responde: “Para parar o Nico eu nao sei, terá que ser passo a passo!”. Já Rosberg, entra para a pista com o pé no chão: “A classificação não tem sido decisiva este ano. Tenho que fazer uma largada correta hoje e o resto é seguir na estratégia!”.

Clima? Sempre um grande drama em Suzuka, as previsões de chuva atormentam qualquer equipe e suas estratégias. Neste domingo, tempo nublado e com risco de água! Temperatura mais baixa que nos treinos e assim, dificuldades para todos no aquecimento de pneus e portanto, na largada.

LARGADA

Foto: Twitter F1 Oficial
Foto: Twitter F1 Oficial

Largada tranquila, impressionantemente sem toques! No bom sentido, sem acidentes. Rosberg consegue manter-se na ponta, Hamilton larga MAL DEMAIS e perde várias posições. Verstappen aproveita e pula para segundo. Ricciardo foi ultrapassado por Perez que fez largada brilhante! Vettel larga bem, aproveita a lambança de Hamilton e assume a 5ª posição – quase arrebenta a traseira do inglês. Fechamos a 1ª volta com a seguinte sequência: Rosberg, Verstappen, Perez, Vettel, Ricciardo, Hulk, Kimi, Hamilton, Grosjean e Gutierrez no TOP 10. Massa era 14º e Nasr 19º.

CORRIDA

Segunda volta, Rosberg e Verstappen abrem do pelotão. Vettel com as facas nos dentes parte para cima de Perez e assume a 3ª posição. Dramática a situação de Luizinho, dramática! Na quinta volta, a diferença de Rosberg para Hamilton (em 8º) já era de 10 segundos. Ricciardo começa a pressionar Perez. Rosberg começa a se distanciar de Verstappen e inicia muito bem sua caminhada para o título em definitivo. Naquele momento a diferença no campeonato passaria para 44 pontos.

Sexta volta e Kimi ultrapassa Hulkenberg, assumindo a 6ª posição. Hamilton é o próximo a pressionar Hulk e tem dificuldades para ultrapassar, mas o faz na 7ª volta e o próximo da lista seria Kimi. Lá atrás, Alonso chega em Massa e começa suas tentativas de ultrapassagem. Entre os líderes do mundial, a diferença de Rosberg em 1º para Hamilton em 7º, já era de 16 segundos. Só um milagre para o inglês reverter o panorama e recuperar-se do erro.

Oitava volta, com erro de Kimi, Hamilton se aproxima do finlandês. Chegamos à 10ª volta com: Rosberg, Verstappen, Vettel, Perez, Ricciardo, Kimi, Hamilton, Hulkenberg, Grosjean e Gutierrez no TOP 10. Massa ainda era 14º e Nasr ganha 1 posição e estava em 18º.

Paradas de boxes começam e o primeiro a parar é Verstappen. Ricciardo também o faz. Hamilton assume a 5ª posição, mas tem dificuldades para efetivar a aproximação em Kimi. Volta 13 e Rosberg faz sua troca de pneus e coloca pneus duros. As Ferraris também efetuam suas paradas. Lewis atrasa a parada e acaba ganhando as posições de Kimi e Perez nos boxes. Após as paradas dos ponteiros tínhamos: Rosberg, Verstappen, Vettel, Ricciardo, Hamilton, Kimi, Perez.

Foto: Twitter F1 Oficial - Vettel em uma das milhares de reclamações por bandeiras azuis
Foto: Twitter F1 Oficial – Vettel em uma das milhares de reclamações por bandeiras azuis

Após a parada, Hamilton voa em pista! Ultrapassa Ricciardo, Massa(que não havia parado ainda) e parte para cima de Bottas que também não havia parado. Engole a Williams na volta 16. Sequência: Rosberg, Verstappen, Vettel, Hamilton, Bottas e Ricciardo. Williams e seus 2 pilotos em estratégias diferentes dos demais! Com pneus médios, volta 18 e ainda não haviam parado nos boxes. Mas com compostos desgastados, não conseguem sustentar as posições e começam a despencar na classificação.

Volta 20 e a ordem era a seguinte: Rosberg, Verstappen, Vettel, Hamilton, Ricciardo, Kimi, Perez, Bottas, Hulkenberg e Massa. Naquele momento, Rosberg amplia a liderança do mundial para 36 pontos em cima de Hamilton. Mas em relação às ultrapassagens, mesmo no circuito que tem a fama de ser complicado neste quesito, tivemos belas manobras. E com 23 voltas, a Williams mantinham os pilotos na pista.

Metade da prova e Hamilton começa a virar abaixo de Rosberg, mas a diferença ainda era enorme. Isso sem contar que entre os dois, tínhamos Verstappen e Vettel. Tranquilo, dominado não é Hamilton? #sqn. Volta 25 e Felipe Massa vai aos boxes para sua única parada do dia. Graças à TV, lembrei das Mclarens. Dramática a apresentação da equipe com Alonso em 15º e Button em 19º. Nasr também efetua sua parada de boxe. Após as paradas de Massa e Bottas, retornam respectivamente em 12º e 13º.

Trigésima volta e os ponteiros começam a pensar em novas e últimas paradas de boxes. Verstappen é o primeiro. E que LINDA ultrapassagem de Massa para cima de Sainz! Fantástica! Rosberg também troca seus compostos e retorna à frente de Verstappen. Vettel assume temporariamente a ponta da corrida e voa baixo! Ricciado entra para os boxes e com problemas em uma das rodas, perde tempo crucial! Hamilton efetua sua parada na sequência e retorna ainda à frente de Kimi.

Foto: Twitter F1 Oficial
Foto: Twitter F1 Oficial – Verstappen tentando segurar Lewis Hamilton – Briga pela 2ª posição

Após sua parada, Hamilton voa baixo na pista e tenta minimizar os dados na péssima largada! Volta 40 e o TOP 6 era: Rosberg, Verstappen, Hamilton, Vettel, Kimi e Ricciado. A corrida seguiu na mesma nas próximas voltas, exceto a aproximação de Hamilton em Verstappen. Volta 45 e a diferença entre os pilotos já era no visual. Mas Verstappen aperta o pé e consegue segurar o ímpeto de Luizinho. Tanto que na última tentativa, Luizinho erra e passa reto!

E no fim, vitória de ROSBERG, claro que com uma ajudinha de Hamilton na largada. Mas não tira-se o mérito do líder do mundial! Aliás, MAIS que líder! Agora meu amigo, para Rosberg é necessário apenas 3 segundos lugares e 1 terceiro nas 4 provas restantes! Vida de Luizinho se complicou e agora é avaliarmos o psicológico do inglês, que normalmente surta em situações muito adversas. Fechando o pódio, Verstappen e Hamilton! Vettel fez boa prova e ficou em 4º. Dos brasileiros, Massa terminou em 9º e Nasr em 19º.

E nos construtores, MERCEDES é a campeã mundial de 2016! Tricampeã – 2014, 2015 e 2016!

RESULTADO FINAL

resultado

CLASSIFICAÇÃO DO MUNDIAL – TOP3

Rosberg – 313 pontos
Hamilton – 280
Ricciardo – 212

PRÓXIMA CORRIDA

E o próximo encontro da F1 será em Austin para o GP dos Estados Unidos – 21 a 23/10/2016. Veja o calendário completo.

FOTOS

Veja algumas fotos do final de semana em Suzuki. Os cliques são de FOTO STUDIO COLOMBO / PIRELLI / FOTOS PÚBLICAS: