Início Destaque FÓRMULA 1 – Resultado Final (Venceu: Perez) – GP de Sakhir (Bahrein)...

FÓRMULA 1 – Resultado Final (Venceu: Perez) – GP de Sakhir (Bahrein) – 2020

3005

 4 min de leitura

ATENÇÃO! PROCURANDO o RESULTADO de ABU DHABI (FINAL)? Então siga por AQUI!

Foto: Racing Point Twitter

E tivemos na tarde deste domingo (06/12/2020) o GP de Sakhir (Bahrein) de Fórmula 1, com Bottas na pole, seguido de Russell, Max e Leclerc.

Largada um tanto tumultuada, Russell tomou a liderança de Bottas nas primeiras curvas e um pouco mais atrás, enrosco de Leclerc com Perez, sobrando para Max Verstappen! Perez conseguiu continuar na prova, mas Verstappen e Leclerc fora! Após safety-car, relargada na volta 6 e Russell segurou a ponta. Atrás, pressão de Sainz para cima de Bottas, tomando a 2ª colocação que foi reconquistada em seguida pelo piloto da Mercedes.

Prova seguiu, volta 20, Russell abria mais de 2 segundos para o companheiro, ótima prova de Sainz até então e tínhamos a seguinte classificação:

Perez em corrida de recuperação, parte para cima de Albon, assumindo a 9ª colocação! Bottas e Russell, giro após giro, trocando voltas rápidas. Boa disputa caseira, mas o substituto de Hamilton conseguia manter a vantagem entre 1.7 e 2.0 segundos. Pietro Fittipaldi seguia na última posição, momento (volta 27) em que alguns pilotos iniciavam seus procedimentos de pit-stop: Gio, Mag, Kimi e Kvyat. Voltas seguintes, também entraram para troca de pneus: Sainz, Gasly, Ricciardo e Aitken.

Entre as voltas 30 e 35, Russell aumentava a diferença para Bottas, quase 3 segundos. Com exceção das Mercedes, Ocon, Albon e Stroll, todos os demais realizaram suas paradas de box e a situação era no TOP10: Russell, Bottas, Stroll, Ocon, Perez (em recuperação SENSACIONAL), Albon, Sainz, Kvyat, Ricciardo e Gasly. Pietro seguia na última posição e mais de 13 segundos atrás de Kimi.

Chegamos na metade da corrida (volta 43), Ocon realizou seu pit-stop, retornando em 10º. Stroll também, depois de correr metade da prova com compostos macios, retornando em 9º e logo à frente de Ocon, que conseguiu tomar a posição. Algumas voltas depois, Russell vai os boxes e retorna 20 segundos atrás de Bottas, que parte para seu pitstop várias voltas depois e retorna com ABSURDOS 8 segundos atrás de Russell. UAU! E após as trocas de pneus de TODOS, tínhamos a seguinte situação em pista (volta 50):

Volta 56, Lafifi abandona, causando VIRTUAL SAFETY-CAR! Vários pilotos aproveitaram para realizarem mais uma troca de pneus. Momento em que Perez pressiona Stroll, que erra e entrega a posição. Em seguida, Perez tomava também a posição de Ocon. E assim, com as paradas (2ª) de praticamente todos, exceto Mercedes, Racing Point e Albon, tínhamos Russell, Bottas, Perez (SENSACIONAL), Ocon e Stroll no TOP5.

Mais algumas voltas, Aitken perde o BICO após rodada/batida e mais um safety-car virtual para limpeza da pista, que se transformou em safety-car tradicional em seguida! Momento em que a Mercedes decide mandar os 2 pilotos para os boxes, na mesma volta! E o que era para ser uma tacada estratégica virou A MAIOR LAMBANÇA da história da MERCEDES! Sem dúvida! Se atrapalharam com a parada de Russell, depois ainda mais na parada de Bottas e para piorar, chamaram Russell mais uma vez para o pit – já que estava com pneus misturados (dele e de Bottas)! E assim, a corrida que estava nas MÃOS de Russell, virou drama. Não precisavam nem desta segunda parada, que erro gigantesco!

Após a relargada, tínhamos a seguinte situação no TOP5: PEREZ(que caiu para último na primeira volta da prova), Ocon, Stroll, Bottas e Russell! Relargada na volta 69, Russell pressiona Bottas, que pressiona Stroll. Perez e Ocon seguem à frente. Volta seguinte, Bottas erra e Russell aproveita para tomar a 4ª posição do companheiro. Mais uma volta e Russell ultrapassava também Stroll, assumindo o P3. E curvas depois, assumia a 2ª colocação ao engolir Ocon.

E… e… enquanto Russell tentava reduzir a diferença para Peres, Bottas sofria mais atrás! Volta 78 e o #77 perdia posições para Sainz, Ricciardo e Albon! UAU! E… e… e… volta seguinte, Russell com furo no pneu traseiro, retorna aos boxes, retornando em 15º. O QUE FOI ISSO GENTE! O QUE FOI ESSA PROVA para a MERCEDES! E faltando 7 voltas, Perez, Ocon, Stroll, Sainz, Ricciardo, Albon, Kvyat, Bottas, Gasly e Norris no TOP10.

FIM DE PROVA! FIM DEPROVA! Gente! Valeu demais a prova, neste formato de ANEL EXTERNO e com tantas variáveis/variantes! UAU! Desde a largada até a bandeirada, uma prova fantástica! Russell, depois de liderar fácil a maior parte da prova, com lambança da equipe nos boxes e um pneu furado nas últimas voltas, terminou APENAS em 9º. E mais, a organização ainda fará verificação e se o piloto utilizou mesmo algum composto do Bottas, ainda será desclassificado. Que pena, que vergonha Mercedes! Vergonha!

Bottas com alguma dificuldade ou problema após o ABSURDO 2º pitstop, perdeu várias posições em pista e terminou apenas em 8º. E quem venceu foi ele… o PILOTO DO DIA, o DESEMPREGADO Sergio Perez! UAU! Caiu para último na primeira volta e com tantas situações em pista, ainda VENCEU. E para completar o pódio, OCON e STROLL! Que corrida meus amigos! Que corrida! Pódio duplo da Racing Point e primeiro pódio na carreira de Ocon. 

Pietro Fittipaldi terminou em último, mas foi muito honesto na entrevista ao final da prova, destacando todas as dificuldades pela inexperiência e também pelos problemas do carro! Vamos para Yas Marina Pietro! Vamos juntos sempre! Estamos na torcida!

RESULTADO FINAL
CALENDÁRIO

E vamos para Yas Marina para o GP de Abu-Dhabi! Calendário completo aqui:

Calendário 2020 – Fórmula 1 – Tomada de Tempo
SIGA A GENTE