Início Destaque FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de...

FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de Sakhir – 2020

711

 12 min de leitura

(Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Confira o que pilotos e chefes de equipe esperam da penúltima corrida do calendário deste ano.

Para dar sequência a programação tripla final da temporada 2020 da Fórmula 1, as equipes da categoria se preparam para o Grande Prêmio de Sakhir, que acontecerá no layout externo do Circuito Internacional do Bahrein, no próximo final de semana.

A partir de sexta-feira, será a primeira vez em que a F1 utilizará o outro traçado da pista, que tem algumas características semelhantes aos circuitos ovais presentes nos calendários da IndyCar e NASCAR.

Abaixo, saiba o que os pilotos e chefes de equipe, que se manifestaram, esperam do GP, em ordem decrescente da classificação atual do campeonato de construtores.

Mercedes (533 pts):

(Foto: Mercedes/Divulgação)

George Russell: “Vejo a oportunidade de correr pela Mercedes como uma grande chance de aprender com o melhor equipamento do grid e voltar como um piloto aprimorado, com mais energia e experiência para ajudar a impulsionar a Williams ainda mais. Um grande obrigado também à Mercedes por acreditar em mim. Obviamente, ninguém pode substituir Lewis, mas darei tudo pela equipe em sua ausência a partir do momento em que entrar no carro. Mais importante, desejo a ele uma rápida recuperação. Estou realmente ansioso pela oportunidade e mal posso esperar para entrar no caminho certo esta semana.”

Valtteri Bottas: Não comentou.

Toto Wolff (chefe da equipe): “Não será uma tarefa fácil para George fazer a transição da Williams para o W11, mas ele está pronto para a corrida e tem um conhecimento detalhado dos pneus de 2020 e de como eles atuam nesta geração de carros. George mostrou uma forma impressionante este ano com a Williams, desempenhando um papel instrumental em sua escalada no grid, e estou otimista que ele terá um desempenho forte ao lado de Valtteri, que será uma referência exigente para ele. Esta corrida será um pequeno marco para nós, pois vemos um membro do nosso programa Junior competir pela equipe de trabalho da Mercedes pela primeira vez. Temos uma tarefa a fazer neste fim de semana, e todo o foco de nossos esforços esportivos estará atrás de Valtteri e George, a fim de maximizar nossa pontuação como equipe.”

Red Bull Racing (274 pts):

(Foto: Red Bull/Divulgação)

Max Verstappen: Não comentou.

Alex Albon: Não comentou.

Christian Horner (chefe da equipe): Não comentou.

Mclaren (171 pts):

(Foto: Mclaren/Divulgação)

Carlos Sainz: O circuito externo do Bahrein não é uma pista típica da F1. Embora tenhamos acabado de correr aqui, teremos que ajustar um pouco a configuração para este novo desafio. Nunca corremos realmente em circuitos principalmente com longas retas e apenas algumas curvas. Vai ser interessante ver como isso se desenrola nos carros de F1, pois eu esperava que houvesse uma corrida constante. Espero que possamos nos controlar rapidamente e começar bem o fim de semana.”

Lando Norris: “Estamos correndo sob as luzes do Bahrein novamente, mas com um layout de pista completamente novo. O circuito externo definitivamente será diferente do que estamos acostumados na F1, o que é emocionante. Pode ser uma corrida bastante louca com poucas curvas, várias retas longas e tempos de volta de menos de um minuto. Tenho certeza que proporcionará uma ótima prova durante as 87 voltas.”

Andreas Seidl (chefe da equipe): É a segunda semana da programação tripla enquanto permanecemos no Bahrein, mas enfrentaremos uma pista completamente nova. É importante para nós permanecermos focados, já que voltamos toda a nossa atenção para as corridas no circuito externo de Bahrain neste fim de semana. O traçado parece ter características interessantes que diferem daquelas em que corremos da última vez, com retas rápidas e menos curvas. A curta duração da pista e a natureza de alta velocidade podiam ter tempos de volta abaixo de 60 segundos, algo que não é normal na Fórmula 1. Isso também vem com o desafio de ajustar a configuração para encontrar o nível ideal de pressão aerodinâmica para uma pista de alta velocidade.”

Racing Point (154 pts):

(Foto: Racing Point/Divulgação)

Sergio Perez: Não comentou.

Lance Stroll: Não comentou.

Renault (144 pts):

(Foto: Renault/Divulgação)

Daniel Ricciardo: Em termos de pista, não é a primeira vez este ano que ficamos nas mesmas instalações por duas semanas consecutivas, mas gosto que eles mudaram este aqui um pouco com o layout externo. Os tempos de volta esperados de menos de um minuto serão os mais curtos que já fizemos na Fórmula 1, então será interessante ver como todos os encontrarão. O que esse traçado faz é tornar a qualificação um desafio extra, porque vai forçar o campo a se aglomerar na volta de saída. Vemos isso acontecer sempre que nos classificamos em Mônaco, por exemplo. No final das contas, tudo se resumirá a fazer a volta perfeita e um pequeno erro compensará meia dúzia de lugares, então não haverá espaço para erros. Tentaremos capitalizar o layout mais curto da melhor maneira possível.”

Esteban Ocon: Vai ser um desafio totalmente novo no layout externo do Bahrein. Acho que vai ser especialmente complicado na qualificação e pode ser bastante movimentado na pista. Se você colocar todos os carros ao mesmo tempo, haverá lacunas muito pequenas entre eles. Será importante encontrar uma e, ao mesmo tempo, encontrar uma fluidez. Eu já tive uma chance de conhecer a pista no simulador e parece desafiadora, mesmo que seja curta. É diferente do resto do traçado, já que é muito acidentada e provavelmente gera menor aderência na nova parte que liga a Curva 4 para a Curva 13. O circuito longo [tradicional] já é uma das pistas mais fáceis de ultrapassar e esta pode ser ainda melhor.”

Ferrari (131 pts):

(Foto: Ferrari/Divulgação)

Charles Leclerc: Nesta temporada atípica, não é a primeira vez que corremos dois fins de semana consecutivos no mesmo local. Mas esta é a primeira vez que estaremos no usando um layout diferente do mesmo circuito. Alguns anos atrás, eles rodavam na versão mais longa aqui, mas desta vez estaremos em um layout curto e muito rápido, com apenas onze curvas. Acho que numa pista como esta a diferença entre os carros, principalmente os do pelotão intermediário, será mínima e cada milésimo pode fazer a diferença. A corrida é de 87 voltas, um número muito maior do que estamos acostumados e estou interessado em ver como certas fases se desenvolvem em termos de tráfego, especialmente na qualificação e na corrida.”

Sebastian Vettel: “A segunda corrida no Bahrein será realizada na pista externa – um layout muito diferente da corrida do fim de semana passado. Cortar a seção do campo interno, da curva 4 à curva 13, e substituí-la por duas curvas radicais de alta velocidade e uma parte mais lenta significa que vai gerar uma sensação muito diferente. Teremos de correr com menos pressão aerodinâmica para corresponder à natureza de alta velocidade do circuito, mas com a mesma seleção de pneus do final de semana passado. Será um desafio encontrar o acerto correto. Claro, muitas das curvas serão familiares para nós, mas com uma volta bem curta, o tráfego será um problema e as sessões serão agitadas. A qualificação deve ser muito mais próxima e, quem sabe, talvez uma nova pista traga algumas surpresas no domingo.”

AlphaTauri (97 pts):

(Foto: AplhaTauri/Divulgação)

Pierre Gasly: A pista é praticamente um oval e vamos nos sentir como na IndyCar. Eu nunca fiz uma volta abaixo de 1 minuto, então será uma primeira vez pra mim. Existem apenas quatro curvas, então será um jogo de turbilhonamento, como uma versão mini de F1 das 500 milhas de Indianápolis. Lidar com o tráfego não será fácil. Na qualificação, vamos jogar o jogo da equipe, rebocando seu companheiro e sendo rebocado. Haverá muitos deslizamentos na corrida, então será uma experiência interessante e uma primeira vez para todos. Acho que haverá muitas ultrapassagens e será interessante ver o quão fácil é de ultrapassar com o DRS.”

Daniil Kvyat: Não tive oportunidade de usar o simulador para avaliar o novo circuito que usaremos para a segunda corrida do Bahrein, então isso significa que teremos que improvisar um pouco e ver o que podemos tirar do carro. Uma diferença óbvia é que a próxima corrida é uma disputa noturna completa, enquanto a primeira começou à luz do dia, então isso afeta coisas como a temperatura dos pneus no decorrer da prova. Vai ser estranho ver o pit board em contagem regressiva a partir de 87 – são muitas voltas. Não é completamente diferente, pois usaremos as três primeiras curvas da pista tradicional e depois se junta novamente no fim. Pelo que tenho visto, o novo layout quase não tem curvas reais, então será um desafio de alta velocidade, algo diferente que é sempre bom. A qualificação deve ser pior do que geralmente é em Monza, pois haverá muito tráfego com certeza.

Alfa Romeo Racing (8 pts):

(Foto: Alfa Romeo/Divulgação)

Kimi Raikkonen: “Neste final de semana, correremos em um traçado completamente novo que nunca usamos antes. Correr em uma nova pista é algo que fizemos algumas vezes nesta temporada, então espero que todas as equipes tenham uma abordagem experimentada e testada para este desafio e, portanto, não acho que teremos grandes surpresas. Ainda assim, será interessante ver como as corridas seguem em um layout bastante incomum. No final, vamos nos adaptar muito rapidamente a qualquer situação e tentar tirar o máximo proveito da corrida.”

Antonio Giovinazzi: O traçado em que correremos nessa segunda semana [no Bahrein] é mais um ponto de interrogação, pois é muito rápido e possui uma volta muito curta, o que deve tornar um desafio encontrar espaço na qualificação. Será interessante ver como a aderência muda das partes da pista que usamos na primeira semana para as novas da segunda: haverá muito a aprender, mas será interessante.”

Frédéric Vasseur (chefe da equipe): “Bahrain é uma pista que promove boas corridas e o novo layout para a segunda corrida é um grande salto no escuro para todas as equipes. Precisamos estar preparados para tudo.”

Haas (3 pts):

(Foto: Haas/Divulgação)

Kevin Magnussen: Vamos correr em uma pista bastante original para essa segunda corrida no Bahrein. Acho que será uma disputa interessante de se ver. Nesse traçado é importante ter uma boa potência e baixo arrasto – você precisa de um carro eficiente. Vamos ver como será nosso desempenho.”

Pietro Fittipaldi: Estou extremamente grato a Gene Haas e Guenther Steiner por sua fé em me colocar ao volante neste fim de semana. Estive muito com a equipe nesta temporada, tanto na pista quanto em sessões de simulador, então estou familiarizado com os procedimentos operacionais da equipe em um fim de semana de Grande Prêmio. Será emocionante começar minha primeira carreira na Fórmula 1 – vou dar tudo de mim e estou ansioso para começar os treinos livres na sexta-feira no Bahrein.”

Guenther Steiner (chefe da equipe): Depois que foi decidido que a melhor coisa para Romain (Grosjean) era pular pelo menos uma corrida, a escolha de colocar Pietro (Fittipaldi) no carro foi muito fácil. Pietro vai pilotar o VF-20 e ele está familiarizado com a nossa experiência de estar com a equipe nas últimas duas temporadas como piloto de testes e reserva. É a coisa certa a fazer e, obviamente, é uma boa oportunidade para ele. Pietro foi paciente e sempre esteve preparado para esta chance – e agora ela chegou. É por isso que o queremos no carro e tenho certeza que fará um bom trabalho. É muito exigente ser chamado no último minuto, mas, como eu disse, acho que é a coisa certa a fazer pela Haas na F1.”

Williams (0 pts):

(Foto: Williams/Divulgação)

Jack Aitken: Estou absolutamente feliz por ter a oportunidade de fazer minha estreia com a Williams no próximo fim de semana. Eu realmente me sinto muito em casa aqui desde que me juntei à Williams no início deste ano, então ter minha chance de ajudar a equipe a tentar alcançar aquele final de pontos evasivo é uma ocasião extremamente satisfatória, no mínimo. Farei tudo o que puder para me preparar nos próximos dias, mas, sinceramente, sinto que estou pronto desde Melbourne.”

Nicholas Latifi: Não comentou.

NOVIDADES PARA O GP:

Pietro Fittipaldi (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

A Haas anunciou na segunda (30) que Pietro Fittipaldi será o substituto de Romain Grosjean no GP de Sakhir e, assim, o brasileiro finalmente fará sua estreia na Fórmula 1.

Lewis Hamilton (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

A Mercedes comunicou na terça-feira (01) que Lewis Hamilton não participará da segunda corrida no Bahrein, já que o heptacampeão testou positivo para COVID-19. O britânico corre risco de perder a última corrida da temporada, em Abu Dhabi, caso não se recupere a tempo.

George Russell (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

O substituto de Hamilton foi confirmado no dia seguinte: Como integrante do programa júnior de pilotos da Mercedes, George Russell terá a oportunidade de guiar o W11 ao lado de Valtteri Bottas. Essa chance terá um grande impacto em sua carreira, se positiva ou negativa, tudo dependerá de seu desempenho no domingo.

Jack Aitken (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Em seguida, no mesmo dia, a Williams informou que o piloto reserva da equipe, Jack Aitken, assumirá o lugar vago de Russell nesse final de semana. O anglo-sul-coreano será o segundo a estrear na Fórmula 1 durante o GP de Sakhir.

NOTÍCIAS DA SEMANA DO GP:

Romain Grosjean (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

Após três noites sob tratamento por conta de seu acidente assustador no GP do Bahrein, Romain Grosjean teve alta do hospital ontem (02) e recebeu autorização dos médicos de tirar os curativos dos dedos das mãos. Ainda não foi informado se o franco-suíço poderá ou não correr na etapa final em Yas Marina, mas Grosjean afirmou em entrevista que pretende voltar ao carro e concluir a sua temporada de despedida da Fórmula 1.

Após um longo período de suspense, a Haas definiu seu line-up de pilotos para a temporada 2021: O russo Nikita Mazepin e o alemão Mick Schumacher correrão lado a lado na escuderia americana.

No momento, restam apenas quatro equipes completarem seu grid de pilotos para o ano que vem: Mercedes (vaga de Hamilton); Red Bull (vaga de Albon); AlphaTauri (vaga de Kvyat) e Racing Point/Aston Martin (vaga de Stroll). Caso não consiga assumir vaga na RBR, Sergio Perez poderá ficar de fora da próxima rodada da F1.

Circuito Internacional do Bahrein – Layout Externo(Imagem: Fórmula 1/Divulgação)

O layout externo do Circuito Internacional do Bahrein possui 3.543 km de extensão e receberá um GP da Fórmula 1 pela primeira vez em sua história. Por conta disso, ainda não há recorde de volta mais rápida, o que mudará nesse final de semana.

Diferente da prova passada no traçado original do circuito, a corrida na pista externa contará com apenas duas zonas de DRS, porém, como alguns pilotos comentaram, as ultrapassagens serão frequentes e mais fáceis, por ser um autódromo dominado por retas e curvas de alta velocidade.

A corrida acontecerá no próximo domingo, às 14h10 (horário de Brasília), e será transmitida ao vivo pelo SporTV.

Entrevistas disponibilizadas pela assessoria de imprensa de cada equipe.