Início Destaque NASCAR – Chase Elliott vence no Roval de Charlotte e agora são...

NASCAR – Chase Elliott vence no Roval de Charlotte e agora são apenas oito – 2020

99

 4 min de leitura

O Roval de Charlotte recebeu a última etapa do “round de 12”. Créditos : Jared C. Tilton | Getty Images (Nascar.com)

Olá amigos e amigas do Tomada de Tempo e do Kojak ! E lá se foi mais uma fase dos playoffs da CUP SERIES da NASCAR. O “round de 12” já era e agora restam apenas oito pilotos na disputa pelo título da temporada 2020.

Mas vamos por partes e lembrar um pouco como foi a etapa deste ótimo circuito que é o Roval (meio misto meio oval) de Charlotte. O traçado já é especial e seletivo e a condição do tempo aumentou a dificuldade para os pilotos. A corrida começou com uma chuva fina, que foi diminuindo e a pista começou a secar. Ótima percepção de Ty Dillon#13, que geralmente anda lá trás nas corridas, mas mostrou que nessa condição de pista tem muita habilidade e fechou o primeiro segmento na P1. Sem dúvida um ótimo feito para quem está sem vaga para a próxima temporada. Christopher Bell#95 e Matt DiBenedetto#21 fecharam o top3 deste segmento. Pelos três primeiros colocados, já dá pra perceber o tanto que foi imprevisível essa primeira parte da corrida.

No segundo segmento, mesmo com a pista secando, as condições de pista seguiam complicadas, tanto é que vários pilotos se complicaram e rodaram. Bons nomes como Brad Keselowski#2, Christopher Bell#95, Ryan Newman#6 e Aric Almirola#10 chamaram bandeiras amarelas. Também tinham uma tarde difícil com alguns incidentes, o tranquilo Denny Hamlin#11 e o então ameaçado Kyle Bush#18.

“Precisamos falar sobre Chase Elliott!” O jovem e popular piloto da NASCAR está se consagrando como rei dos mistos. Já havia vencido quatro corridas neste tipo de circuito, incluindo a ultima vez no próprio Roval de Charlotte em 2019 e na estreia do misto de Daytona este ano. No segundo segmento ele fechou em segundo lugar e no último terço da prova ele foi para definir a questão.

A briga na parte final da corrida era muito interessante e com estratégia de pits diferentes. Brigavam pela ponta Chase Elliott#9, Alex Bowman#88, Joey Logano#22 e o desesperado Kyle Busch#18. Então veio a cartada do Buschinho. Bandeira amarela faltando 23 voltas. Seus concorrentes foram para a troca de pneus e ele resolveu permanecer na pista para assumir a ponta e segurar no braço. E… não deu certo. O carro 18 não resistiu e se entregou. O atual campeão Kyle Busch#18 foi eliminado dos playoffs, juntamente com Austin Dillon#3, Clint Bowyer#14 e Aric Almirola#10.

O atual campeão Kyle Busch#18 é um dos eliminados no “round de 12” Créditos : Torey Fox | Nascar Digital

Já Chase Elliott#9 reassumiu a ponta e controlou bem Joey Logano#22 na segunda posição e venceu com autoridade. Mais uma vitória em circuito misto para o filho do Bill. Quem gostaria de ver o que jovem piloto de 24 anos faria num monoposto?

Chase está em boa fase e não tem cometido muitos erros, mas estar entre os quatro pilotos na final não vai ser nada fácil, já que Kevin Harvick#4 e Denny Hamlin#11 estão praticamente garantidos pelos pontos acumulados, então sobram duas vagas para serem disputadas principalmente pelo próprio Chase Elliott#9, Brad Keselowski#2, Joey Logano#22 e Martin Truex Jr#19. Os outros dois pilotos, Alex Bowman#88 e Kurt Busch#1, para mim, só conseguem avançar com uma vitória nas três corridas dessa fase e isso torna a situação mais difícil para eles. Esses são os oito concorrentes.

Créditos : Nascar.com

Enquanto o “pau quebra” dentro da pista, os bastidores seguem agitados. Muitas definições sobre as vagas de 2021. Christopher Bell vai assumir o carro 20 da Joe Gibbs que hoje é pilotado por Erik Jones e este segue sem vaga até o momento. Sobre o carro 48 do hepta Jimmie Johnson, a equipe Hendrick optou por uma solução caseira e tirou Alex Bowman do carro 88. A dúvida agora é quem vai para este bom carro? Além de J.J., outro que anunciou a saída da categoria foi Clint Bowyer, assim o carro 14 da Stewart-Haas é outra boa vaga em aberto. No carro 42 da Chip Ganassi, sai Matt Kenseth, que não justificou seu retorno, entra Ross Chastain (hoje na Xfinity). Duas novas equipes surgirão na próxima temporada, uma delas terá como proprietários Denny Hamlin#11 e a lenda da NBA, Michael Jordan. O piloto escolhido é Bubba Wallace, que deixa o carro 43 da equipe Richard Petty. A outra nova equipe terá como piloto o mexicano Daniel Suarez. Já Matt DiBenedetto#21 renovou por mais um ano na Wood Brothers, mas a equipe já informou que Austin Cindric, atualmente na Xfinity, será o piloto em 2022.

Sobre a XFINITY um dilúvio caiu, nos proporcionando grandes emoções. O veterano AJ Allmendinger, que não está nos playoffs, mostrou toda sua experiência e venceu a excelente corrida, seguido de perto por Noah Gragson. Agora na XFINITY também são apenas oito pilotos em busca do título: Chase Briscoe, Austin Cindric, Justin Allgaier, Noah Gragson, Justin Haley, Brandon Jones, Ross Chastain e Ryan Sieg.

Então vamos para as quatro corridas finais da temporada! O “round de 8” dos playoffs, das três divisões, começa neste fim de semana no oval do Kansas. No sábado, dia 17/10, a TRUCK SERIES vem primeiro, e com uma atração a mais, a estreia da jovem promessa de 19 anos, Hailie Deegan. A moça já mostrou talento em algumas oportunidades em outras categorias e gera boa expectativa. A XFINITY vem no mesmo sábado e no domingo, dia 18/10, é a CUP SERIES que dá as caras e as cartas. Com certeza muita história para ser contada e você não perde nada no TOMADA DE TEMPO. VIVA A NASCAR!

E como diria Kal-El : “Para o alto e avante !!”

SIGA MINHAS REDES SOCIAIS