Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de...

FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de Mônaco – 2024

833
(Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Confira o que pilotos e chefes de equipe esperam da corrida no circuito urbano mais famoso e desafiador do calendário.

A Fórmula 1 retorna neste fim de semana (24, 25 e 26) para realizar o Grande Prêmio de Mônaco, a oitava etapa da temporada, que acontecerá no icônico circuito de rua de Monte Carlo, distrito mais glamoroso do Principado francês.

Essa será a corrida em casa para o piloto da Scuderia Ferrari, Charles Leclerc, que buscará a tão sonhada vitória diante de sua torcida conterrânea, depois de perder oportunidades valiosas como pole sitter em 2021 e 2022, e ser superado por Max Verstappen desde o classificatório ano passado.

Abaixo, confira o que pilotos e chefes de equipe, que se manifestaram, esperam do GP monegasco, em ordem decrescente da classificação atual do campeonato de construtores.

Além disso, saiba as novidades, as características do traçado, as principais informações dos compostos de pneus para a etapa e a previsão do tempo para todo o fim de semana.

Oracle Red Bull Racing (239 pts)
(Foto: Lars Baron/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Max Verstappen #1: “Embora tenha sido uma corrida acirrada, foi ótimo conseguir a vitória em Ímola e agora estamos ansiosos pela próxima corrida. Como é um circuito de rua fechado, é importante começarmos a correr e fazer uma qualificação forte, pois é sempre difícil de ganhar posições.

“A corrida muitas vezes depende de estratégia e requer muita concentração e foco. Estamos revisando o que precisamos fazer e desenvolver para extrair o máximo desempenho do carro aqui, por isso estamos ansiosos para ver o que o fim de semana nos trará.

Sergio Perez #11: “A pressão para entregar resultados em Mônaco chega no sábado, porque as ultrapassagens são quase impossíveis no domingo, e sei que preciso fazer melhor depois de um fim de semana complicado na Itália.

“Nada deu certo em Ímola e temos trabalhado muito para entender isso. Quero recuperar o ímpeto e sabemos que, se acertarmos, poderemos ter um forte desempenho neste fim de semana.

Christian Horner (chefe de equipe): Não comentou.

Scuderia Ferrari HP (187 pts)
(Foto: Scuderia Ferrari/Divulgação)

Charles Leclerc #16: Não comentou.

Carlos Sainz #55:Depois da corrida em Ímola, nos agrupamos como equipe e nos preparamos para Mônaco, onde esperamos conseguir um resultado melhor. A luta no topo está começando a ficar acirrada e precisamos continuar dando o nosso máximo em busca de resultados mais altos.

Frédéric Vasseur (chefe de equipe): “Há alguns dias, Ímola foi a nossa corrida em casa. Neste fim de semana, Charles estará em casa em Mônaco, uma corrida que é um assunto inacabado para ele e gostaríamos de ajudá-lo a resolver isso. Carlos também adora correr no Principado, onde conquistou o primeiro pódio ao volante de uma Ferrari, por isso os dois estão muito motivados.

“Diante da atual geração de carros, as ultrapassagens são mais difíceis aqui do que em qualquer outra pista do calendário; isso significa que a qualificação assume uma importância ainda maior. Procuraremos, portanto, dar um passo promissor na sessão de sábado e temos trabalhado muito no simulador e nas reuniões de engenharia, preparando tudo nos mínimos detalhes para a próxima etapa.

McLaren (124 pts)
(Foto: Zak Mauger/McLaren Media Centre)

Lando Norris #4: “Mônaco é um dos fins de semana mais difíceis do calendário. Não é a pista mais fácil de ultrapassar, mas a qualificação aqui é um dos desafios mais emocionantes do automobilismo. É tudo uma questão de começar a correr e construir confiança desde o primeiro treino livre.

Foi bom poder lutar pela vitória em Ímola. Temos muito potencial para avançar. O GP de Mônaco também será uma corrida especial para nós, pois correremos com uma pintura em homenagem a Senna. Será incrível e mal posso esperar para correr nesta pista especial.”

Oscar Piastri #81: “Será uma honra correr pelas ruas de Monte Carlo com nossa pintura especial do Senna. Ele foi um mestre nesta pista com seis vitórias e é importante prestar homenagem a esse modelo do nosso esporte.

Também criei um design especial de capacete e vou leiloar um para arrecadar fundos para o Instituto Ayrton Senna, que faz um trabalho muito bom em proporcionar oportunidades e transformar vidas.

Os últimos dois fins de semana de corrida, em Miami e Ímola, estiveram entre as minhas performances mais fortes na F1, e é uma perspectiva emocionante ir para Mônaco com uma boa motivação.”

Andrea Stella (chefe de equipe): “Partimos para o Grande Prêmio de Mônaco com mais um pódio. Estamos vendo resultados consistentes e brigas por vitórias, o que é um bom lugar para se estar. Mônaco é um circuito interessante, pois sabemos que é mais difícil recuperar posições na corrida, por isso precisamos mais uma vez nos qualificarmos bem..

Mônaco também é um lugar especial para a McLaren. Vencemos muitas corridas aqui no passado com Ayrton Senna, então é justo prestarmos homenagem a ele aqui, correndo com uma pintura muito especial inspirada em seu capacete.”

Mercedes-AMG Petronas (64 pts)
(Foto: Andy Hone/Mercedes-Benz Group AG)

Lewis Hamilton #44: Não comentou.

George Russell #63: Não comentou.

Toto Wolff (chefe de equipe): “O pequeno passo à frente que demos em Ímola foi encorajador. A equipe trabalhou arduamente para trazer nossa recente atualização para a pista, e isso foi um claro ganho de desempenho.

Temos uma direção clara e desenvolvimentos em andamento, além de uma plataforma mais sólida para construir agora. Ainda estamos um passo atrás das três primeiras equipes e há muito trabalho a fazer, mas estamos confiantes de que, com o tempo, poderemos entrar na briga com as equipes de dianteira.

É sempre difícil prever o desempenho esperado em Mônaco, mas vamos tentar executar um fim de semana limpo e maximizar o carro que temos.”

Aston Martin Aramco (42 pts)
(Foto: Sam Bloxham/LAT Images/Aston Martin Media Global)

Lance Stroll #18: Não comentou.

Fernando Alonso #14: Não comentou.

Mike Krack (chefe de equipe): Não comentou até o momento.

Visa Cash App RB (19 pts)
(Foto: Rudy Carezzevoli/Red Bull Content Pool)

Yuki Tsunoda #22:Estou me sentindo confiante, tendo somado pontos nas últimas duas corridas, três se contarmos o GP de Miami com Sprint. Mônaco é uma pista desafiadora e muito emocionante, onde a qualificação é sempre especial. Na verdade, no ano passado foi a primeira vez que cheguei ao Q3 nela, por isso espero poder fazer o mesmo novamente neste fim de semana.

Seria incrível se eu pudesse partir daí para marcar pontos no domingo. Acho que a equipe está em boa forma; nosso desempenho, consistência e competitividade melhoraram a partir de Miami, então não tenho nenhuma preocupação.

Nosso foco está em extrair ainda mais desempenho do carro, especialmente na tarde de sábado, que é realmente a primeira parte da corrida, já que a posição no grid é muito importante, e acredito que seremos capazes de ter um bom desempenho novamente neste fim de semana.”

Daniel Ricciardo #3:Em primeiro lugar, estou muito empolgado por poder correr novamente em Mônaco, depois de ter falhado no ano passado. É um daqueles lugares que é simplesmente diferente, e gera uma sensação bem especial. É uma pista onde a oportunidade de pilotar um carro de Fórmula 1 é algo que você nunca pode considerar garantido.

Olhando para trás, tenho muitas boas lembranças deste lugar e estou animado para ver o que posso fazer por aqui neste fim de semana. Em termos de desempenho, estamos ficando mais consistentes com o carro e isso é importante para Mônaco. O resultado da sua corrida aqui realmente depende da qualificação e da última vez em Ímola colocamos os dois carros no Q3 pela primeira vez neste ano, o que é um bom sinal.

Se tivermos um fim de semana limpo e pudermos repeti-lo, devemos estar em boa forma para domingo. Fora da pista, é um grande evento e um espetáculo completo, mas estou realmente focado apenas na pilotagem.

Laurent Mekies (chefe de equipe): Não comentou.

MoneyGram Haas (7 pts)
(Foto: Sam Bloxham/LAT Images/Haas F1 Media)

Kevin Magnussen #20:Mônaco é a melhor pista do calendário para pilotar; é simplesmente fenomenal nestas ruas estreitas e com muros por toda parte. A sensação de pilotar um carro de Fórmula 1 aqui, para mim, é a melhor do ano.

O Grande Prêmio de Mônaco faz parte da tríplice coroa; uma daquelas corridas em que se você vencer, é ainda mais especial, então espero que fique no calendário.

Em outras provas, você dá voltas para explorar diferentes técnicas, encontra o limite rapidamente, diferente de correr em Monte Carlo. Estamos cada vez mais perto do limite e, como é uma pista que está sendo muito usada, tem muita evolução.”

Nico Hulkenberg #27: “Moro no Principado desde 2015 e este será meu 11º Grande Prêmio aqui. Mônaco é icônico e é tudo uma questão de tradição: o palácio, os hotéis, e muitos locais que ainda têm um código de vestimenta para poder entrar. Todos abraçam e respeitam a história e o patrimônio lá, algo que eu gosto.

Há sempre um pouco mais de foco na classificação, mas é a mesma coisa todo fim de semana; você precisa tentar ter uma boa sensação no carro desde o início, e a dificuldade do classificatório em Mônaco é que você realmente precisa dominar a volta e juntar os três setores. É um passeio desafiador todos os anos e uma das minhas pistas favoritas para percorrer. Estou ansioso pelo passeio e pelo desafio.”

Ayao Komatsu (chefe de equipe):Estou ansioso por Mônaco porque este ano a equipe trabalhou muito bem no túnel de vento para atingir o nível de downforce necessário para essa etapa, que é diferente dos anos anteriores. Em termos de consistência com o carro, parecemos ter melhorado e, obviamente, é um circuito em que os pilotos precisam de muita confiança no carro.

“Uma coisa que resta saber é o equilíbrio do VF-24; em Mônaco você pode ter muita subviragem e não andar rápido, então esse é um dos problemas em nosso pacote este ano, eu acho. Estamos cientes disso, por isso vamos tentar encontrar esse equilíbrio e, se conseguirmos fazer isso, pode ser um fim de semana bastante interessante.”

BWT Alpine (1 pt)
(Foto: Alpine F1 Team/Divulgação)

Esteban Ocon #31: “Mônaco é um lugar especial no calendário, pois é sinônimo de Fórmula 1 e a história do automobilismo. Como piloto, é um fim de semana que você precisa estar no seu melhor e manter o foco o tempo todo. Mônaco é uma pista onde o automobilista pode realmente fazer a diferença.

Se você se sentir confortável e o carro estiver de acordo com suas intenções, você vira como quiser, e pode correr perto das barreiras e encontrar tempos mais rápidos. Foi o que aconteceu no ano passado, onde me senti bem no carro já desde a primeira sessão de treinos livres.

Tenho boas lembranças deste lugar, principalmente do pódio no ano passado. Sem uma corrida em França, o GP de Mônaco pode ser considerado uma corrida em casa para nós, ao lado de Silverstone. Realisticamente, não creio que possamos repetir o desempenho do ano passado, mas daremos tudo para alcançar o melhor resultado este fim de semana.”

Pierre Gasly #10:A etapa aqui em Mônaco é o mais perto que chegaremos da França durante toda a temporada, por isso, embora não seja uma corrida em casa, é especial para a equipe e para nós, pilotos da Alpine. Com tanto apoio da torcida francesa, é o GP que mais anseio no calendário.

O circuito em si é um risco elevado com grandes recompensas, como vivenciamos em equipe no ano passado. Eu tenho alguns assuntos inacabados do meu lado há doze meses, então estou definitivamente pronto para entrar no caminho certo nesse lugar lendário e mundialmente icônico no automobilismo.

Vamos trabalhar duro para nos atualizarmos o mais rápido possível e construir alguma confiança no carro durante os treinos. A partir daí, vamos precisar de um pouco de magia no sábado e ver onde estaremos a partir daí. Estou pronto para isso.”

Bruno Farmin (chefe de equipe): Não comentou.

Williams Racing (0 pts)
(Foto: Williams Racing/Divulgação)

Alex Albon #23:Estou ansioso para pilotar nesta pista icônica que é Mônaco novamente. Monte Carlo sempre foi uma pista com a qual nosso carro teve dificuldades, por isso quero ver qual será o desempenho do FW46, dada a nossa mudança nas características para torná-lo mais versátil em diferentes pistas. Mônaco é sempre interessante com o clima imprevisível, além de as ultrapassagens serem um desafio, por isso deve ser um fim de semana interessante.”

Logan Sargeant #2:É sempre especial correr pelas ruas de Mônaco. A pista é incrivelmente estreita, não deixando margem para erros, por isso é crucial aumentar a confiança durante as sessões de treinos livres. Garantir a posição no circuito é fundamental, pois é difícil ultrapassar, tornando a qualificação desta etapa uma das mais importantes da temporada. Procuraremos aproveitar todas as oportunidades como equipe.”

James Vowles (chefe de equipe): Não comentou.

Stake Kick Sauber (0 pts)
(Foto: Sam Bloxham/LAT Images/Sauber Media Hub)

Valtteri Bottas #77: “Mônaco é especial em todos os sentidos, e é um retorno a uma era diferente do automobilismo, tanto em termos do circuito em si como de tudo o que acontece em torno do evento: é uma data importante no calendário e sempre divertida.

Por morar no Principado, posso voltar para casa todas as noites, algo que você definitivamente não consegue fazer em nenhuma outra corrida da temporada. Monte Carlo é um grande desafio para um piloto, um lugar que não exige apenas técnica e precisão, mas também exige foco mental absoluto em cada centímetro do asfalto.

Além disso, embora a qualificação seja crucial em todas as corridas, Mônaco adquire um papel ainda mais central, ainda mais com o tempo, que pode mudar frequentemente e temos vários elementos de perigo potencial numa única corrida. É isso que faz desta prova o que ela é, e é um desafio que curto bastante.”

Guanyu Zhou #24: “Correr em Monte Carlo é uma das coisas com que você sonha quando criança e almeja a Fórmula 1; é um dos momentos mais especiais da temporada e uma corrida que até mesmo os não fãs conheceriam, e estou realmente ansioso para correr novamente neste fim de semana.

O GP de Ímola foi um fim de semana difícil, mas que pelo menos nos deu lições a aprender para o futuro. Embora Mônaco tenha um traçado de pista completamente diferente, ainda há muitos elementos que podemos implementar para melhorar e aumentar a nossa competitividade.

Aqui, mais do que em qualquer outro lugar, a qualificação é uma grande parte do seu resultado final, por isso será importante maximizar tudo o que pudermos nos treinos, para que possamos estar preparados para sábado. A pista urbana pode trazer surpresas em cada curva e gerar um Safety Car e, por isso, a estratégia também pode proporcionar oportunidades, que vamos agarrá-las caso surjam.”

Alessandro Alunni Bravi (chefe de equipe): “Mônaco é um lugar que dispensa apresentações, mas, para todas as atividades que teremos fora da pista e para os convidados que receberemos, não devemos nos distrair do nosso objetivo mais importante: o desempenho.

A pista é única e requer medidas especiais, desde a configuração até as peças, que não são empregadas em nenhum outro lugar do calendário. Este GP é um desafio para os pilotos no cockpit, mas também para os engenheiros no pitwall; estratégia, configuração, tempo; cada pequeno detalhe pode influenciar uma corrida aqui.

A equipe tem trabalhado arduamente para se preparar ao máximo para este evento: faz apenas alguns dias que corremos em Ímola, mas estamos preparados e ansiosos para entrar na pista. Sabemos o quanto um bom resultado é necessário e estamos todos focados em garantir que podemos aproveitar ao máximo tudo o que este circuito nos vai proporcionar.”

NOVIDADES PARA O GP

McLaren com pintura especial

(Foto: McLaren F1/Divulgação)

A McLaren apresentou um layout de pintura nos MCL38 de Lando Norris e de Oscar Piastri para o GP de Mônaco deste fim de semana. A equipe britânica correrá sob uma pintura em homenagem ao último ídolo brasileiro e tricampeão mundial de Fórmula 1, Ayrton Senna.

As cores do carro da escuderia serão intercaladas nas cores amarelo, verde, azul, branco e preto, com fontes de letra clássicas que remetem aos anos 80 e 90, período de ouro na carreira de Senna com a McLaren.

Também vale lembrar que Piastri usará um capacete com o layout e as cores do aparato de segurança de Ayrton em todas as atividades de pista em Monte Carlo, a partir do Treino Livre 1 de sexta-feira.

Detalhes do circuito
Circuito de Mônaco (Imagem: Fórmula 1/Divulgação)

O Circuito de Mônaco possui 3.337 km de extensão, 19 curvas (12-D e 7-E), recebe GPs da Fórmula 1 desde 1950 e a corrida terá um total de 78 voltas. O recorde de volta mais rápida nesse traçado pertence a Lewis Hamilton, que marcou 1:12.909 na temporada 2021.

As principais características desse circuito são os setores estreitos, os cantos técnicos e a predominância de zonas de baixa a média velocidade. Confira abaixo como é uma volta em Mônaco, através do simulador/game F1 22.

O grande desafio para os pilotos é acertar, de forma cirúrgica, o ponto de entrada certo de cada curva. Qualquer erro mínimo de cálculo pode levá-los a bater no muro e abandonar.

As chances de ultrapassagem em Mônaco são pequenas e quase nulas, o que facilita o manter a posição e torna o classificatório uma parte crucial para um bom resultado na corrida de domingo.

O último vencedor da etapa em Monte Carlo, na temporada 2023, foi o pole sitter Max Verstappen, seguido de Fernando Alonso e de Esteban Ocon.

Informações sobre os pneus
(Infográfico: Pirelli)

A escolha dos compostos de pneus de pista seca da Pirelli para o GP deste fim de semana recai sobre os três mais macios disponíveis este ano: o C3 como Duro, o C4 como Médio e o C5 como Macio. Como é geralmente o caso em circuitos de rua, o local de provas tem uma superfície particularmente lisa, dado que é de uso diário para carros de passeio, e por isso os pneus devem proporcionar uma forte aderência.

Em Mônaco, os pneus estão sujeitos a algumas das forças mais baixas de toda a temporada, já que a velocidade média ao longo dos 3,337 quilômetros de pista é muito lenta, com algumas curvas sendo feitas a menos de 50 km/h, enquanto os carros estão em aceleração total apenas por 30% da volta.

No entanto, para atenuar esse baixo nível de estresse está o fato de que, com 78 voltas para completar no domingo, todos os fenômenos que podem caracterizar o comportamento dos pneus ocorrem muito mais frequentemente do que a média, especialmente quanto ao nível de energia desenvolvida quando a tração é necessária.

Outro fator a ser considerado é a granulação que, especialmente nos primeiros dias, pode se revelar um fator indesejável. Quanto às estratégias de parada, só existe uma única opção, a de uma parada; ir aos boxes o mais tarde possível precisamente para se beneficiar de um eventual Safety Car, assim minimizando o tempo perdido nos boxes.

Informações da assessoria de imprensa da Pirelli Brasil.

Previsão do tempo
(Foto: Ryan Pierse/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Sexta-feira:

Mínima de 13°C e Máxima de 20°C. Intervalos de sol entre nuvens, não chove.

Sábado:

Mínima 13°C e Máxima 19°C. Tempo nublado, com 30% de chance de chover.

Domingo:

Mínima de 15°C e Máxima de 21°C. Céu aberto, ensolarado.

Fonte: www.bbc.com/weather

Transmissão no Brasil

A corrida acontecerá no próximo domingo, às 10h (horário de Brasília), e será transmitida ao vivo pela Rede Bandeirantes de Televisão. A programação completa, com links de transmissão, você encontra aqui!