Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Classificação com “Dança das cadeiras” mantida no GP do...

FÓRMULA 1 – Classificação com “Dança das cadeiras” mantida no GP do Bahrein – 2016

114

 3 min de leitura

Foto: Foto Studio Colombo / Pirelli / Fotos Públicas
Foto: Foto Studio Colombo / Pirelli / Fotos Públicas

Logo no domingo de manhã (20/03), após o polêmico treino classificatório do GP da Austrália de F1 – 2016, a turma da F1 se reuniu e “decidiu” voltar ao forma convencional de classificação já para o GP do Bahrein (03/04).

Reforço minha opinião sobre o novo (velho? novo?) formato. A culpa não foi apenas do formato! Equipes e pilotos DEVERIAM ter apoiado mais a tentativa e não se reservarem a mediocridade! O Q1 e Q2 , repito, foi excelente! Apenas o Q3 foi desastroso, mas pelo fato de pilotos e equipes ficarem poupando ou melhor, saíram torrando tudo que tinham nas primeiras partes e depois DESISTIRAM de brigar pela ponta! RIDÍCULO! RIDÍCULO! Sempre culpei a F1 e seus organizadores pelas porcarias de decisões tomadas, mas desta vez, CULPO sim as equipes pela falta de apoio! ERRAR tentando sempre é válido, ontem ERRARAM por medo, por serem medíocres! O Q3 deixou a desejar e agora tenho certeza de que trata-se de POSTURA e PLANEJAMENTO e não do formato!

Mas a decisão estava tomada, a partir da próxima etapa, retornaríamos ao formato CHATO e ENTEDIANTE de sempre! Cuuuuurrrrrr… OU NÃO! O queeeeee? Isso mesmo amigos da velocidade. Iniciaram uma nova discussão e que pode ser a solução do impasse! Eu e muita gente gostou do Q1 e Q2 certo? Apenas o Q3 ficou a desejar e muito. A FIA, no auge de sua totalidade cerebral, está propondo a tentativa de um formato… HIBRIDO, vamos dizer assim. Ou seja Q1 e Q2 no novo formato (dancinha das cadeiras) e o Q3 no formato convencional. Acho sim que pode ser uma boa opção.

Para evitar que decisões precipitadas, na manhã desta quinta-feira (24/03) reuniram-se a Comissão da F1, um grupo com 26 membros entre representantes das equipes, FIA, FOM, promotores, patrocinadores e decidiram MANTER para o Bahrein o formato NOVO – nos moldes da Austrália.

“Eles irão fazer o que eu sugeri, que é deixar as coisas como estão para esta corrida do Bahrein. Na sequência, analisar melhor e decidir se foi a coisa certa a fazer, se precisa ser modificada ou cancelada. Foi uma ideia da FIA, então eu lhes disse que vamos apoiar o que eles considerarem correto. Mas como ninguém sabe o que é certo, dissemos que vamos continuar onde estamos e analisar depois da corrida. Não seria interessante reprovar com apenas uma evidência, com duas provas, veremos se foi certo ou errado. As equipes também não entenderam o que estavam fazendo, o que não ajudou ninguém” – declarou Bernie Ecclestone.

Assim galera, teremos DANÇA DAS CADEIRAS novamente no Bahrein dia 03/04 e depois provavelmente uma versão HÍBRIDA quem sabe. Vamos pagar literalmente para ver.

Para quem não sabe ainda o formato, veja:

Q1 – 16 minutos de treino e após 7 minutos do início começam a ser eliminados pilotos a cada 90 segundos. Ao final do contador teremos 16 carros e ainda o último da lista também é eliminado.

Q2 – 15 minutos e após 6 minutos iniciam as eliminações a cada 90 segundos. Após zerar o contador restarão 9 pilotos e ainda, o último da lista também é eliminado.

Q3 – Últimos 14 minutos de treino e após 5 minutos iniciam as eliminações (a cada 90 segundos). Ao final da contagem os 2 restantes poderão dar mais uma volta rápida caso tenham ultrapassado a linha antes de zerar o cronômetro. Definido assim o mais rápido e as demais posições.

Veja como foi na Austrália e entenda com caso real. Clique aqui!

Artigo anteriorWEC – Porsche apresenta o 919 Hybrid para 2016
Próximo artigoWEC – Toyota apresenta o seu TS050 Hybrid para 2016