Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP da...

FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP da Emilia-Romagna – 2024

578
(Foto: Dan Mullan/Getty Images/Red Bull Content Pool)
Confira o que pilotos e chefes de equipe esperam da corrida em um circuito italiano histórico que se reergueu após um recente desastre natural.

A Fórmula 1 retorna neste fim de semana (17, 18 e 19) para realizar o Grande Prêmio da Emilia-Romagna, a sétima etapa da temporada, que acontecerá no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, comuna localizada ao norte da Itália.

Ano passado, a disputa italiana foi cancelada dois dias antes da primeira atividade de pista, devido a enchentes causadas por fortes chuvas que inundaram os arredores do autódromo e deixaram milhares de pessoas desabrigadas.

Quando as águas baixaram, o prejuízo gerado pelas inundações chegou a 8 bilhões de euros, mas os troféus da etapa cancelada, a garrafa comemorativa da Ferrari Trento (champanhe) e itens relacionados ao GP foram leiloados para arrecadar fundos de ajuda humanitária para a Emilia-Romagna.

A prova deste final de semana será a corrida em casa para as equipes Visa Cash App RB e Ferrari, esta última que contará com a maior parte da torcida nas arquibancadas, os famosos ‘tifosi’, fãs da lendária escuderia de Maranello. Vale lembrar que o Grande Prêmio na Itália também abrirá a série de competições da categoria pela Europa (com exceção do GP do Canadá), depois de passagens pelo Oriente Médio, Oceania, Ásia e América.

Abaixo, confira o que pilotos e chefes de equipe, que se manifestaram, esperam do GP italiano, em ordem decrescente da classificação atual do campeonato de construtores. Além disso, saiba as características do traçado, informações dos compostos de pneus para a etapa e a previsão do tempo para todo o fim de semana.

Oracle Red Bull Racing (239 pts)
(Foto: Mark Thompson/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Max Verstappen #1:Ímola é um local icônico para correr e estamos empolgados por estar de volta depois que o GP foi cancelado no ano passado. Tivemos ótimos resultados aqui e é sempre interessante correr em um circuito tradicional como este que é muito técnico, com algumas combinações complexas de curvas e zonas de frenagem intensas.

A equipe em Milton Keynes e na pista têm trabalhado muito duro, e voltei ao simulador na fábrica nesta semana. É bom voltar a correr na Europa também, por isso estamos ansiosos para ver o que o fim de semana traz.”

Sergio Perez #11: Não comentou até o momento.

Christian Horner (chefe de equipe): Não comentou.

Scuderia Ferrari HP (187 pts)
(Foto: Scuderia Ferrari/Divulgação)

Charles Leclerc #16: Não comentou.

Carlos Sainz #55: Não comentou.

Frédéric Vasseur (chefe de equipe):Depois de várias corridas disputadas longe de casa, este fim de semana marca o início da parte europeia do campeonato. O Grande Prêmio acontece em Ímola, a pista mais próxima da nossa sede em Maranello e leva o nome do nosso fundador. É também um regresso ao formato habitual, com três sessões de treinos livres, por isso decidimos apresentar aqui o nosso primeiro pacote de atualização para o SF-24.

“Este será um fim de semana muito movimentado, já que teremos que avaliar todas as peças novas, enquanto seguimos o programa normal de preparação para a classificação e a corrida. Como sempre, podemos esperar uma disputa muito acirrada com nossos concorrentes, o que significa que fazer um bom trabalho de ajuste fino da configuração do carro pode ser tão importante quanto qualquer benefício que as atualizações possam trazer.

“Depois que a corrida de Ímola teve que ser cancelada na temporada passada, estamos felizes por estar de volta, correndo diante de nossos torcedores que, tenho certeza, lotarão as arquibancadas. Estamos confiantes de que podemos estar no ritmo, lutando na frente e, portanto, esperamos poder cumprir nosso objetivo pelos nossos tifosi.”

McLaren (124 pts)
(Foto: McLaren F1/Divulgação)

Lando Norris #4:Vou para Ímola como vencedor da última corrida, o que é bom. Foi incrível entrar na sede da equipe com o troféu e ver todos na fábrica tirarem um tempo do dia para comemorar o resultado. Passamos por muita coisa juntos nos últimos seis anos e agora não queremos nada mais do que ter mais momentos assim.

Enquanto estava no MTC [McLaren Technology Centre], também voltei ao simulador para me preparar com meus engenheiros para a próxima corrida. Já se passaram dois anos desde que corremos no Grande Prêmio da Emilia Romagna, mas estamos prontos para voltar. É uma das minhas provas favoritas e mal posso esperar para voltar a correr nessa pista icónica.”

Oscar Piastri #81:Não consegui o resultado final que queria em Miami, mas foi um dos meus finais de semana mais fortes até agora. Foi ótimo comemorar com a equipe na semana passada, mas estamos todos com fome de mais, o que mostra o quão longe chegamos.

Este é o meu primeiro Grande Prémio em Ímola. Infelizmente, não pudemos correr lá no ano passado, mas estamos muito animados por estar de volta para os nossos fãs. Voltei com a equipe em sessões de engenharia e simulação e me sinto bem preparado. Esperamos trazer mais pontos para a equipe.”

Andrea Stella (chefe de equipe):Depois de um resultado maravilhoso em Miami, a equipe se reuniu em Woking para comemorar o trabalho duro e a dedicação que nos levaram até aqui. Isso não significa que nossa missão acabou. Este resultado serviu para revigorar o nosso objetivo de alcançar vitórias e pódios de forma consistente, e redobramos os nossos esforços.

Agora voltamos a nossa atenção para a primeira corrida europeia do ano. Ímola é um dos circuitos mais rápidos do calendário e deve oferecer boas oportunidades para continuarmos a somar pontos. Após a devastação que atingiu a região da Emilia-Romagna no ano passado, estamos muito satisfeitos por regressar e mal podemos esperar para ver os fãs italianos mais uma vez.”

Mercedes-AMG Petronas (64 pts)
(Foto: Sam Bloxham/Mercedes-Benz Group AG)

Lewis Hamilton #44: Não comentou.

George Russell #63: Não comentou.

Toto Wolff (chefe de equipe):As primeiras seis corridas não foram simples, mas construímos uma compreensão de onde precisamos melhorar e traçamos um caminho claro para enfrentar isso. Serão necessárias várias provas antes de vermos nosso esforço gerar frutos, mas todos estão trabalhando duro para alcançarmos isso o mais rápido possível.

Procuraremos maximizar o nosso novo pacote, e estamos trazendo mais algumas atualizações para Ímola, onde espero que tenhamos um desempenho mais promissor em comparação com o GP de Miami.

Ímola é um circuito exigente que desafia tanto o carro quanto o piloto. Tem várias seções rápidas e fluidas, mas também algumas curvas de baixa velocidade e uma superfície acidentada. Além de tudo isso, é estreito, o que dificulta as ultrapassagens, e tem bastante elevação. Tudo isso se combina para fornecer um teste severo e pelo qual estamos ansiosos.”

Aston Martin Aramco (42 pts)
(Foto: Mark Sutton/Aston Martin Media Global)

Lance Stroll #18: Não comentou.

Fernando Alonso #14: Não comentou.

Mike Krack (chefe de equipe):Estamos felizes por voltar a Ímola depois de dois anos. É um verdadeiro teste para os pilotos e para os engenheiros, que estão tentando otimizar a configuração do carro. Depois das terríveis inundações que nos impediram de correr em Ímola no ano passado, queremos dar um bom show para os fãs neste circuito icônico.

A paixão que os fãs italianos têm pelo esporte e pela Ferrari é bem conhecida, mas nos últimos anos temos visto cada vez mais verde nas arquibancadas quando corremos na Itália e espero ver ainda mais este ano.”

Visa Cash App RB (19 pts)
(Foto: Chris Graythen/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Yuki Tsunoda #22:Ímola é a próxima etapa, e é uma das pistas onde pilotei bastante no passado. É mais uma corrida em casa para mim, depois de Suzuka, no Japão. Infelizmente, não pudemos correr lá no ano passado por causa das inundações, por isso mal posso esperar para correr aqui, ver os fãs na Emilia-Romagna e aplaudi-los, especialmente depois do que aconteceu em 2023.

A enchente sempre será lembrada e como a cidade voltou mais forte. A região recuperou muito mais rápido do que eu pensava e agora olha para o futuro. Ímola está de volta este ano, a 15 km da minha casa, e espero conseguir um bom resultado neste fim de semana.”

Daniel Ricciardo #3:Seguimos para a primeira corrida europeia do ano; é muita familiaridade para nós, pois o paddock volta a ter aquele ambiente familiar. Ímola é um circuito divertido, desafiador, muito rápido e bastante estreito, com chicanes de alta velocidade e uma volta de qualificação alucinante.

“Corremos realmente no limite, com algumas ondulações na chicane onde você realmente quebra as zebras, então cria uma corrida complicada, tornando o classificatório importante. As ultrapassagens, embora possíveis, são mais complicadas neste tipo de circuito da velha guarda. Não corro lá há alguns anos, então vai ser bom. Adorei muito minha primeira vez em 2020 e estou animado para voltar.”

Laurent Mekies (chefe de equipe): Não comentou.

MoneyGram Haas (7 pts)
(Foto: Sam Bloxham/LAT Images/Haas F1 Team)

Kevin Magnussen #20:Ímola é uma pista ótima e onde sempre quis correr, então é fantástico que esteja de volta ao calendário. Na última vez que estivemos lá, marquei um ponto na Sprint Race de 2022.

“Ganhar posições neste circuito é difícil e será mais uma questão de se sair bem no classificatório, quando teremos uma boa oportunidade para coletar dados aerodinâmicos sobre o carro, algo muito útil para o desenvolvimento.”

Nico Hulkenberg #27:Pode ser apenas a sétima rodada, mas parece que estamos no meio da temporada. Além disso, é bom voltar para a Europa. Ainda não corri no Autódromo Enzo e Dino Ferrari e estou animado para riscar esta pista da lista, pois tem sido muito divertido correr nela no simulador.”

Ayao Komatsu (chefe de equipe): Não comentou.

BWT Alpine (1 pt)
(Foto: Alpine F1 Team/Divulgação)

Esteban Ocon #31:Depois de seis corridas na temporada, é emocionante voltar à Europa. A primeira é Ímola onde, infelizmente, não corremos no ano passado devido às inundações na região. Tenho boas lembranças das corridas na Itália, principalmente do kart, e sempre gosto de voltar a correr lá.

O circuito em si é muito rápido e fluido e também muito técnico em alguns pontos, principalmente no passeio e na tração. Você sempre tenta manter a velocidade mínima nas curvas e precisa equilibrar a agressividade nas zebras sem abusar do carro.”

Pierre Gasly #10:A corrida no Autódromo Enzo e Dino Ferrari marca o início de alguns meses movimentados na Europa, com exceção do Canadá. Foi uma pena perder a corrida do ano passado devido às inundações na região. Estaremos correndo com as pessoas afetadas firmemente em nossas mentes um ano depois.

“Ímola é um circuito fantástico e um daqueles locais que andam de mãos dadas com o automobilismo e a Fórmula 1. É um traçado técnico em alguns pontos e costuma proporcionar boas corridas, mesmo em voltas curtas.

“Voltamos a um fim de semana de corrida normal depois da programação Sprint nas duas últimas provas. Precisamos estar focados e no limite desde sexta-feira e nos colocar em uma posição competitiva antes da importante qualificação.”

Bruno Farmin (chefe de equipe): Este fim de semana é a nossa primeira corrida europeia da temporada e um regresso à pista convencional. Ímola é sinônimo de Fórmula 1 e um circuito lendário por ser rápido, apertado, desafiador e é ótimo ainda competir nessas pistas icônicas. Voltamos a uma programação normal, sem Sprint, por isso pretendemos ter uma sexta-feira construtiva e nos preparar bem para esta etapa.

Este é o início de um período intenso no calendário de provas pela Europa até as férias de verão, e é importante que a equipe continue focada, trabalhando nas fábricas para trazer mais performance ao carro, que é o nosso objetivo natural.”

Williams Racing (0 pts)
(Foto: Williams Racing/Divulgação)

Alex Albon #23:Estou ansioso para iniciar o braço europeu do calendário, começando por Imola. Depois das infelizes inundações do ano passado, será emocionante correr aqui novamente. Também é uma sensação ótima entrar no fim de semana depois de anunciar meu compromisso com a Williams a longo prazo, e estamos trazendo algumas atualizações neste fim de semana que devem ajudar na redução de peso do carro. Esperamos ver algumas melhorias e nos recuperarmos como equipe.”

Logan Sargeant #2:É ótimo retornar a Ímola, e estou animado para experimentar correr nesta pista histórica em um carro de F1 pela primeira vez. É um circuito estreito com oportunidades limitadas de ultrapassagem, por isso tentaremos maximizar o nosso desempenho na qualificação. Além disso, voltar ao formato normal de corrida nos dá a chance de construir melhor o fim de semana e ajustar nossa configuração.”

James Vowles (chefe de equipe): Não comentou.

Stake Kick Sauber (0 pts)
(Foto: Sam Bloxham/LAT Images/Sauber Media Hub)

Valtteri Bottas #77:É ótimo estar de volta a Ímola: uma pista tradicional com muita história e bem divertida de percorrer. É sempre uma honra competir em um local tão histórico, apoiado pelos fãs italianos nas arquibancadas, e espero que o retorno à Europa marque uma mudança de sorte na nossa temporada.

Embora Miami não tenha sido positivo, ainda nos permitiu aprender muito e esperamos poder transformar essas lições em melhorias. Estamos preparados para trazer algumas atualizações neste fim de semana, o que deve nos permitir dar um passo adiante e esperamos marcar os nossos primeiros pontos neste ano.

Depois de algumas corridas difíceis, estou motivado para me sair bem aqui em Ímola e na próxima semana em Mônaco. Quero iniciar a primeira rodada dupla europeia do calendário da melhor maneira possível.”

Guanyu Zhou #24:Toda a equipe tem trabalhado muito nas últimas duas semanas depois de Miami, e focando na finalização das atualizações que traremos para Ímola. Estou feliz por correr novamente nesta pista, após o cancelamento do evento no ano passado. Tenho boas lembranças do tempo que passei nesta região, correndo como júnior, e sempre gosto de visitá-la.

Com as novidades em nosso carro e um traçado de pista diferente de Miami, estamos confiantes e motivados para fazer uma mudança positiva em nossa temporada. Acertar as coisas desde a primeira sessão será crucial; vimos como é importante nos classificarmos em uma boa posição e esperamos que isso nos ajude a voltar à luta por pontos no domingo.”

Alessandro Alunni Bravi (chefe de equipe):Seguimos para Ímola para a primeira corrida da rodada dupla europeia, com o objetivo de reiniciar depois de um fim de semana difícil em Miami. Tivemos duas semanas para nos reagrupar, analisar o que deu errado da última vez e garantir que resolvemos o problema.

Embora ainda não tenhamos somado pontos à nossa contagem nesta temporada, sabemos que temos o desempenho para fazê-lo e estamos confiantes em nossos meios, e as atualizações que estamos trazendo esta semana são um prova do trabalho incansável da equipe da fábrica em Hinwil.

Vimos em eventos recentes quão restrito é o campo e como ultrapassar os limites do 2º ou 3º trimestre é muitas vezes uma questão de centésimos de segundos. Nosso objetivo, agora e mais do que nunca é estarmos prontos para aproveitar qualquer oportunidade que possa surgir e aproveitá-la ao máximo para avançarmos no pelotão.”

NOVIDADES PARA O GP

Oliver Bearman no TL1

Oliver Bearman (Foto: Scuderia Ferrari/Divulgação)

O piloto reserva da MoneyGram Haas, Oliver Bearman, fará a sua segunda aparição em um fim de semana de Fórmula 1 neste ano, durante o Treino Livre 1 do GP da Emilia-Romagna. O britânico de 19 anos guiará o VF-24 da escuderia americana no lugar de Kevin Magnussen.

O britânico de 19 anos correu pela Ferrari no início do ano, na Arábia Saudita, quando substituiu Carlos Sainz (que contraiu uma apendicite) a partir do Treino Livre 3 e marcou pontos ao finalizar em sétimo lugar em sua corrida de estreia na categoria.

Oliver comentou sobre a oportunidade de assumir o cockpit de um carro de F1 mais uma vez nesta sexta-feira. “Estou empolgado por voltar ao VF-24 e participar do TL1 em Ímola. A equipe está tendo uma temporada forte e espero que, com a experiência extra que tenho desde a nossa última vez juntos, possa ajudar a continuar a boa forma que eles estão.”

Detalhes do circuito
Autódromo Enzo e Dino Ferrari (Imagem: Fórmula 1/Divulgação)

O circuito Enzo e Dino Ferrari possui 4.909 km de extensão, 19 curvas (9-D e 10-E), fluxo no sentido anti-horário, recebe GPs de Fórmula 1 desde 1980 e a corrida terá um total de 63 voltas. O recorde de volta mais rápida no local de provas italiano pertence a Lewis Hamilton, que cravou 1:15.484 na temporada 2020.

A pista é caracterizada por ser estreita e, por isso, as ultrapassagens são menos frequentes. Além disso, o clássico traçado europeu oferece trechos predominantes de média a alta velocidade, com seções diversificadas e acompanhadas de mudanças bruscas de elevação. Confira como é uma volta rápida no circuito de Ímola, através do simulador/game F1 22.

Os principais pontos possíveis de ultrapassagem em Ímola são a única zona de abertura da asa móvel (DRS) do circuito, localizada na reta dos boxes, e o trecho de alta velocidade entre as curvas 15 e 17, que também permite o ganho de posições.

Apesar desses setores rápidos, o restante do traçado exige muita atenção e precisão dos pilotos, por apresentar trechos técnicos e com curvas de ângulos variados consecutivas, além de fortes zonas de frenagem.

Na última passagem da Fórmula 1 pelo Autódromo Enzo e Dino Ferrari, na temporada 2022, o vencedor da corrida principal foi o pole sitter Max Verstappen, seguido de Sergio Perez e de Lando Norris.

Informações sobre os pneus
(Infográfico: Pirelli)

Para a sétima etapa da temporada, a Pirelli optou pelo trio mais macio de pneus de pista seca: C3 como duro, C4 como médio e C5 como macio. Será a primeira vez que este trio será posto à prova no circuito italiano, embora essa teria sido a escolha para a prova cancelada do ano passado. Em 2022, os compostos selecionados foram C2, C3 e C4.

Em termos das forças exercidas sobre os pneus, o local de provas não é preocupante, embora o asfalto ainda seja relativamente abrasivo, apesar de que a última vez que foi realizado um trabalho de recapeamento, em 70% de seus quase cinco quilômetros de extensão, ter sido em 2011.

Com um programa intenso de atividades durante o fim de semana do GP, a superfície do asfalto oferece um bom nível de aderência que aumenta à medida que os carros percorrem o traçado.

No papel, ter os três compostos mais macios poderia produzir mais opções em termos de estratégia de pit stop em uma corrida que normalmente exigiria apenas uma troca de pneus, especialmente porque o tempo perdido no pit lane do Autódromo Enzo e Dino Ferrari é um dos maiores do ano.

Informações da assessoria de imprensa da Pirelli Brasil.

Previsão do tempo
(Foto: Clive Mason/Getty Images/Red Bull Content Pool)

Sexta-feira:

Mínima de 16°C e Máxima de 25°C. Céu parcialmente nublado, com 20% de possibilidade de chuva.

Sábado:

Mínima 15°C e Máxima 25°C. Tempo aberto, ensolarado.

Domingo:

Mínima de 15°C e Máxima de 23°C. Céu nublado, com 40% de chance de chuva.

Fonte: www.formula1.com

Transmissão no Brasil

A corrida acontecerá no próximo domingo, às 8h30 (horário de Brasília), e será transmitida ao vivo pela Rede Bandeirantes de Televisão.

Entrevistas disponibilizadas pela assessoria de imprensa de cada equipe.