Início Destaque FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de...

FÓRMULA 1 – Saiba as expectativas das equipes para o GP de Las Vegas – 2023

400
(Foto: Divulgação)
Confira o que pilotos e chefes de equipe esperam da corrida na cidade que não recebe a categoria há mais de quatro décadas.

Neste final de semana (17 a 19) a Fórmula 1 retorna às pistas para realizar a estreia do Grande Prêmio de Las Vegas, a vigésima segunda e penúltima etapa da temporada, que acontecerá na rua mais famosa da cidade americana, a Strip, em Nevada, estado ao norte dos Estados Unidos.

A disputa em Las Vegas é a terceira e última competição da F1 na terra do Tio Sam do calendário, depois do GP de Miami, no início do ano, e do GP dos Estados Unidos, que foi a primeira parada de uma rodada tripla consecutiva na América. Vale lembrar que a prova deste fim de semana será a terceira corrida em casa para a equipe Haas e para o piloto da Williams, Logan Sargeant.

Sobre o retorno da F1 a Las Vegas
(Foto: Divulgação)

Esse será a terceira visita da categoria mais alta do automobilismo à Cidade do Pecado, depois das duas edições do chamado Grande Prêmio do Caesars Palace, em 1981 e 1982, que decidiu os campeonatos e coroou Nelson Piquet Jr e Keke Rosberg como campeões, respectivamente. O vencedor da corrida de estreia da F1 em Las Vegas foi Alan Jones, enquanto Michele Alboreto levou a melhor no ano seguinte (1982).

Importante mencionar que os pilotos correrão durante a noite, e terão que lidar com um fator incomum na Fórmula 1: baixas temperaturas. Por Las Vegas se encontrar em uma área desértica, as noites são frias, e os termômetros marcam apenas 1 dígito. São esperadas temperaturas entre 4ºC e 7ºC na corrida, que resultaria em um dos ambientes mais frios em que a categoria já correu desde o GP do Canadá de 1978.

Abaixo, confira o que pilotos e chefes de equipe, que se manifestaram, esperam do GP no deserto de Nevada, em ordem decrescente da classificação atual do campeonato de construtores.

Oracle Red Bull Racing (782 pts)
(Foto: Red Bull Racing/Divulgação)

Max Verstappen #1: “É ótimo estar aqui em Las Vegas, a penúltima corrida da temporada. Esta etapa é obviamente uma grande incógnita para todos, não sabemos o que esperar, mas abordamos isso como qualquer outro fim de semana.

Obviamente não temos dados históricos para analisar e comparar, por isso há muito a aprender. As temperaturas também serão muito baixas na pista à noite, por isso será interessante ver o desempenho do RB19 nessas condições. Também estou ansioso para correr nesse circuito, que será muito legal.”

Sergio Perez #11: “Vegas será uma corrida maluca. Você já pode ver que toda a cidade foi dominada pela Fórmula 1, e serão disputas únicas pelas ruas de Las Vegas. Já tive um gostinho disso quando a equipe correu com o RB7 aqui no ano passado para lançar a corrida, e foi estranho estar aqui como turista e guiar um carro de F1 pela Strip.

“Temos trabalhado duro como equipe nos bastidores no acerto e preparação necessários para tornar este fim de semana um sucesso. Para mim, quero garantir o segundo lugar no campeonato; seria um lugar divertido para fazer isso.”

Christian Horner (chefe de equipe): Não comentou.

Mercedes-AMG Petronas (382 pts)
(Foto: Mercedes-AMG F1/Divulgação)

Lewis Hamilton #44: Não comentou.

George Russell #63: Não comentou.

Toto Wolff (chefe de equipe):O Brasil foi provavelmente o nosso fim de semana mais difícil da temporada. Depois de atuações promissoras nos EUA e no México, não tivemos o nosso melhor desempenho lá.

Paralelamente, temos nos preparado para o desafio de correr em um local completamente desconhecido. Estaremos correndo à noite, onde as temperaturas ambiente e da pista provavelmente estarão na casa de um dígito. Além disso, o layout da pista em si é incomum. Será um grande desafio para todos nós e estamos ansiosos para enfrentá-lo.”

Scuderia Ferrari (362 pts)
(Foto: Scuderia Ferrari/Divulgação)

Charles Leclerc #16: “Estou focado nas duas últimas corridas da temporada agora. Não vamos desistir e iremos lutar para terminar com o melhor resultado na classificação de construtores que pudermos alcançar. Darei tudo de mim em Las Vegas.”

Carlos Sainz #55:O GP no Brasil foi um dia difícil. É uma pena que Charles não tenha tido a chance de largar na corrida, pois poderíamos ter marcado pontos muito importantes contra a Mercedes em São Paulo. Agora é hora de recarregar as baterias e esperamos estar de volta em boa forma em Las Vegas neste fim de semana.”

Frédéric Vasseur (chefe de equipe): Não comentou.

McLaren (282 pts)
(Foto: Simon Galloway/McLaren Media Centre)

Lando Norris #4: “Finalmente chegou a hora do GP de Las Vegas; todos nós estávamos ansiosos por isso desde o ano passado. Estou animado para correr na Las Vegas Strip. Tenho certeza que será especial e com uma atmosfera incrível.

É uma pista totalmente nova para todos nós. Tenho me preparado no simulador, mas experimentar na prática será interessante. Tivemos algumas boas corridas com quatro pódios nas últimas cinco etapas. Estou determinado a manter a consistência nas duas últimas disputas da temporada e terminar em alta.”

Oscar Piastri #81:Estou animado para ir para Las Vegas e dar início à última rodada dupla da temporada. Deve ser divertido pilotar em um local único. Vegas é outra pista nova para mim, mas é assim para todos os outros, por isso deverá ser um fim de semana interessante. A equipe fez um trabalho incrível com o carro nesta temporada e espero voltar a pontuar.”

Andrea Stella (chefe de equipe): “Estamos agora a caminhar para a última rodada dupla da temporada, esta que demonstrou o trabalho árduo, o foco e a determinação da equipe para cumprir a nossa missão de voltar atrás e lutar pelos pódios.

O GP de Las Vegas terá um clima incrível e é uma pista nova para todos. Teremos que aprender tudo do zero durante as sessões, no entanto, não tenho dúvidas de que a equipe irá entregar o seu melhor.”

Aston Martin Aramco Cognizant (261 pts)
(Foto: Mark Sutton/Aston Martin Media Global)

Lance Stroll #18: Não comentou.

Fernando Alonso #14: Não comentou.

Mike Krack (chefe de equipe): Não comentou.

BWT Alpine (108 pts)
(Foto: Alpine F1 Team/Divulgação)

Esteban Ocon #31:Falamos sobre Las Vegas há muito tempo e é ótimo finalmente estar aqui. Será um fim de semana bem movimentado para todos, mas nosso foco será atuar na pista e dar o nosso melhor para conseguir um bom resultado. Obviamente, ninguém correu aqui ainda, então será uma surpresa para nós quando chegarmos lá para a primeira sessão de treinos livres.

Pelo que vimos, parece uma pista interessante com uma curva fechada para a esquerda na Curva 1, algumas curvas de velocidade média e uma reta muito longa em aceleração total. Estaremos nos esforçando para um bom fim de semana na pista e esperamos ter um Grande Prêmio divertido para todos os fãs que nos assistirão correr em Las Vegas e ao redor do mundo.”

Pierre Gasly #10:Seguimos rumo ao desconhecido com este Grande Prémio, pois é um local completamente novo e um circuito único. É certamente um desafio, mas estamos todos na mesma posição. Não sabemos realmente como será o traçado até chegarmos à pista no Treino Livre 1 na quinta-feira.

Passei um tempo no simulador para aprender o traçado e é uma volta única. Existem algumas curvas longas de velocidade média, zonas de frenagem brusca, curvas rápidas e depois a longa reta pela Las Vegas Strip.

“Acho que à noite com todas as luzes ficará espetacular e estou empolgado com isso. Faremos o nosso melhor para nos adaptarmos o mais rápido possível ao novo circuito e às condições potencialmente complicadas.

Bruno Farmin (chefe de equipe): Não comentou.

Williams Racing (28 pts)
(Foto: Williams Racing/Divulgação)

Alex Albon #23:Indo para Las Vegas, estou animado para ver o que esta pista tem a oferecer. Visto de fora, parece uma local de provas relativamente simples, mas no simulador não é. Será difícil extrair o máximo do carro devido ao baixo downforce e às curvas difíceis. O entusiasmo em torno de Las Vegas tem sido enorme, por isso estou ansioso para. experimentá-lo.”

Logan Sargeant #2: “Las Vegas marca minha terceira e última corrida em casa da temporada e estou animado para que a semana comece; correr sob as luzes de todos os hotéis da região será um momento icônico.

Já corri em Las Vegas várias vezes no kart quando criança, então poder voltar lá e correr na F1 será especial. Espero que possamos ter uma corrida forte e tornar este fim de semana memorável para os fãs e a equipe.”

James Vowles (chefe de equipe): Não comentou.

Scuderia AlphaTauri (21 pts)
(Foto: Scuderia AlphaTauri/Divulgação)

Yuki Tsunoda #22:Para ser honesto, eu não esperava esse nível de desempenho como vimos no Brasil, e agora precisamos levar esse sentimento positivo para as próximas duas corridas para lutar agressivamente e conseguir pontos suficientes para, com sorte, alcançar a P7 no campeonato de construtores.

Já pilotei em Vegas no simulador e é um traçado muito rápido, com retas longas, mas a maioria das curvas são de baixa velocidade. No passado, tínhamos dificuldades em circuitos com retas longas, mas sinto que esta pista tem características bastante semelhantes às de Baku, onde normalmente temos um bom desempenho.

Estou otimista, mas olhando para o campeonato, acredito que a Williams também seja forte neste tipo de circuito, por isso pretendemos lutar muito para superá-los.”

Daniel Ricciardo #3:Já estive em Vegas antes, muitas vezes, e é um lugar divertido. Sempre estive lá apenas por lazer, então será interessante ir para lá com uma mentalidade um pouco diferente. É uma cidade incrivelmente surreal, especialmente à noite com todas as luzes. Acho que vai parecer que estamos correndo em um set de filmagem, então será legal.

Pelo que aprendi no simulador, é uma pista realmente desafiadora porque há muitas retas longas e curvas curtas de 90 graus com muitas curvas e frenagens. O layout é interessante. Espero que proporcione boas corridas. Acho que as retas longas definitivamente oferecem algumas oportunidades e, como também são apertadas e sinuosas em alguns lugares, apresentarão um conjunto único de desafios.

Sabemos que fará frio. Acho que fazer com que os pneus funcionem e que o carro produza downforce suficiente será uma grande chave para conseguir um tempo de volta decente. Podia parecer Baku no primeiro ano, quando a aderência era baixa, o que foi interessante, já que era preciso forçar muito na volta de saída para colocar os pneus em movimento.”

Franz Tost (chefe de equipe): Não comentou.

Alfa Romeo Stake (16 pts)
(Foto: Jamey Price/Sauber Media Hub)

Valtteri Bottas #77: “Estou ansioso para correr em Las Vegas neste fim de semana: é sempre emocionante quando um novo local recebe um GP. Foi definitivamente uma pena terminar a rodada tripla na América com uma desistência no Brasil, especialmente porque parecia que tínhamos a oportunidade de trazer alguns pontos para casa.

Temos mais duas corridas neste ano e estamos motivados para voltar à luta. Esta é uma pista nova, ainda existem algumas variáveis ​​a descobrir, pelo que será crucial recolher o máximo de dados possível dos treinos, para sermos competitivos na qualificação e nos colocarmos em posições favoráveis ​​no grid. A partir daí, se fizermos bem o nosso trabalho, poderemos desafiar os nossos concorrentes mais próximos a terminar no top 10.”

Guanyu Zhou #24: “A rodada tripla não correu como esperávamos, o que foi lamentável, pois perdemos algumas boas oportunidades para marcar pontos, especialmente há duas semanas no Brasil. A equipe tem investigado os problemas que forçaram Valtteri e eu a abandonarmos a corrida em São Paulo, para evitar uma repetição.

É a minha primeira vez aqui em Las Vegas e mal posso esperar para entrar na pista pessoalmente, já que até agora só praticamos no simulador. Uma corrida noturna no deserto, com temperaturas mais baixas, será uma mistura interessante e será importante acertar desde o início.

Estamos motivados para ir bem aqui e em Abu Dhabi, e voltar aos pontos: devemos isso à nossa equipe, por todo o trabalho realizado ao longo da temporada, bem como aos nossos torcedores pelo apoio. Vegas é conhecida por sua vasta oferta de entretenimento, então esperamos poder oferecer um bom show para todos eles.”

Alessandro Alunni Bravi (chefe de equipe): “Depois de três semanas na estrada na última rodada tripla, foi bom retornar à base em Hinwil, onde retomamos o trabalho imediatamente para investigar o que causou ambas as desistências em nossos carros no Brasil e ter certeza de que eles não ocorrerão novamente.

Como ponto positivo, a nossa melhoria de desempenho foi acompanhada por temperaturas mais baixas da pista, o que nos dá confiança à medida que nos dirigimos para o deserto de Nevada. Abordamos Las Vegas com curiosidade e entusiasmo, como acontece com qualquer novo local no calendário.

Todos vão querer ter um bom desempenho aqui, por isso devemos estar no nosso melhor desde a primeira sessão de treinos livres para ficar à frente dos nossos concorrentes mais próximos. Com duas corridas restantes no calendário, todos nós, pilotos, a equipe de pista e a equipe da casa, vamos dar tudo o que temos para terminar a temporada fortes.”

MoneyGram Haas (12 pts)
(Foto: Haas F1 Team/Divulgação)

Kevin Magnussen #20:O Grande Prêmio de Las Vegas será a corrida mais badalada em que já participei, é extremamente emocionante. Para mim, como piloto, e para a Fórmula 1 como esporte, mal podemos esperar para ver como será esta etapa.

Sabemos que a pista é bastante única, com todas as retas longas, e estaremos de olho na previsão do tempo para ver o quão frio estará, pois isso pode ser um verdadeiro desafio para todos. Em suma, promete ser muito emocionante.

Antes do Brasil, devo dizer que não conhecia muito a pista, mas desde então estou no simulador. Depois do Brasil mudei imediatamente o foco para Las Vegas, conhecendo o traçado de Nevada e todas as curvas. Estou animado para conhecer pessoalmente o Circuito de Rua de Las Vegas.”

Nico Hulkenberg #27:Temos conversado sobre este evento o ano todo, então estou feliz que finalmente chegou a hora de correr em Las Vegas. Mais uma corrida em casa para a equipe e estou ansioso para conseguir um bom resultado para nós e nossos fãs. Sobre a pista, é único correr em temperaturas tão baixas para um fim de semana de corrida, por isso teremos que ver como é fácil aquecer os pneus.”

Guenther Steiner (chefe de equipe):Acho que todos temos uma expectativa, mas sabemos o que é Las Vegas. É difícil imaginar exatamente como será, mas promete ser um evento muito legal e algo completamente diferente de tudo o que foi feito na Fórmula 1 até hoje.

As baixas temperaturas na pista serão um desafio, pois todos sabem que é preciso manter os pneus acima da temperatura mínima, que é superior a cinco graus, então precisamos mantê-los sempre um pouco mais quentes. Acredito que a degradação não ficará muito pior para nós do que no Brasil. Na quinta-feira, durante os treinos, conheceremos a superfície, o circuito, a temperatura e depois saberemos mais.”

NOVIDADES PARA O GP

Red Bull com pintura especial (3/3)

(Foto: Red Bull Racing/Divulgação)

A Red Bull Racing correrá neste fim semana com o terceiro e último layout especial criado pelos fãs da equipe para as três etapas nos Estados Unidos. Chamado de “Neon Bull”, o design faz uma referência à cultura de Las Vegas: cartas de Poker, fichas de cassino e as luzes em neon dos letreiros espalhadas pela cidade.

Assim como a Red Bull, a Alfa Romeo, AlphaTauri, Alpine, Williams e McLaren também correrão neste fim de semana com esquemas de pintura temáticos para o GP americano.

Ferrari com pintura especial

(Foto: Scuderia Ferrari/Divulgação)

A Ferrari é outra escuderia do grid a apresentar um design de pintura alternativo no SF-23 para o GP de Las Vegas. Diferente da Red Bull e das demais escuderias citadas acima, que colocaram em seus carros elementos que remetem à Cidade do Pecado, a equipe italiana celebra o seu visual dos anos 70, em vermelho e branco, época em que a Fórmula 1 vivenciava a sua primeira era de ouro na América.

Detalhes do circuito
Circuito Las Vegas Strip (Foto: Fórmula 1/Divulgação)

O circuito urbano Las Vegas Strip possui 6.201 km de extensão, 17 curvas (6-D e 11-E), sentido anti-horário, vai receber um GP de Fórmula 1 pela primeira vez e a corrida terá um total de 50 voltas. Por ser um estreante no calendário da categoria, o recorde de volta no traçado se encontra nulo, o que mudará neste final de semana, com o piloto mais rápido dos outros 19 do grid em Nevada.

A pista é caracterizada por possuir trechos predominantes de alta velocidade, várias curvas técnicas de baixa e três retas, onde a principal é curta. O principal ponto de ultrapassagem em Las Vegas Strip é a longa reta oposta, onde é localizada uma de duas zonas de abertura de asa móvel (DRS) do traçado.

O maior desafio para as equipes nessa pista será lidar com a baixa temperatura do asfalto, prevista para estar na faixa de 15ºC, o que afetará a aderência e, com as travadas de roda esperada durante as frenagens, um grande desgaste para os pneus.

Um fato que vale mencionar é que, com seus 6.201 km de comprimento, o Las Vegas Strip se torna o segundo maior circuito do calendário atual da Fórmula 1, atrás apenas de Spa-Francorchamps, que possui 7.004 km de extensão.

Informações sobre os pneus
(Infográfico: Pirelli)

O fim de semana do GP de Las Vegas, em Nevada, usará C3 como P Zero Branco duro, C4 como P Zero Amarelo médio e C5 como P Zero Vermelho macio: a seleção mais macia de pneus da gama.

O circuito Las Vegas Strip passa perto do The Sphere: uma estrutura esférica de 110 metros de altura que é completamente coberta por 1,2 milhão de painéis de LED. O prédio, o maior do mundo nesse estilo, abriga uma tela de 15.000 metros quadrados com resolução de 16K.

Custando 2,3 bilhões de dólares, o The Sphere foi inaugurado no início de novembro e, durante o fim de semana do GP, iluminará o circuito com uma reprodução do pneu P Zero Elect, alternado com um logo da Pirelli.

Uma animação personalizada da fornecedora de pneus oficiais da Fórmula 1 também será vista no telhado do novo prédio que abriga os boxes e o Paddock Club.

Os pilotos que chegarem ao pódio usarão um boné Pirelli edição especial com tranças douradas e detalhes no estilo Stars and Stripes, com inscrições “Las Vegas 2023”. Os bonés estarão à venda para o público nas lojas oficiais do evento.

Informações da assessoria de imprensa da Pirelli Brasil.

Previsão do tempo
(Foto: Divulgação)

Sexta-feira:

Mínima de 11°C e Máxima de 23°C. Principalmente um dia ensolarado e uma noite estrelada.

Sábado:

Mínima de 11°C e Máxima de 21°C. Parcialmente nublado no início, antes de ficar mais nublado à noite.

Domingo:

Mínima 11°C e Máxima 21°C. Parcialmente nublado com possibilidade moderada de chuva no final do dia.

Fonte: www.formula1.com

Transmissão no Brasil

A corrida acontecerá no próximo domingo, às 03h (horário de Brasília), e será transmitida ao vivo pela Rede Bandeirantes de Televisão.

Entrevistas disponibilizadas pela assessoria de imprensa de cada equipe.