Início Moto GP MOTO GP – Quem ficou com a Pole? – GP de San...

MOTO GP – Quem ficou com a Pole? – GP de San Marino – 2020

316

 3 min de leitura

COMENTÁRIO DE TORCEDOR

Os deuses da velocidade por algum motivo resolveram mudar a história do campeonato da MotoGP em 2020 definitivamente.

O acidente de Marc Márquez em Jerez e sua ausência, possivelmente em toda a temporada, mexeu com todas as equipes incluindo a HONDA que anda penando sem sua formiga atômica.

A cada prova, a cada pista, todas as equipes e pilotos procuram aproveitar ao máximo as possibilidades que se oferecem.

Estamos presenciando vários pilotos diferentes vencendo as provas, disputas acirradas entre as equipes e os principais protagonistas do campeonato.

Não seria diferente neste final de semana para o GP de San Marino onde a equipe da vez é a YAMAHA, vamos aos fatos.

Q1

Pilotos saíram para conquistar as duas vagas ao Q2, numa disputa interessante para os irmãos Espargaró, Nakagami, Lecuona, Petrucci, Oliveira, Binder, Smith, Marquez, Rabat, Bradl e Crutchlow.

Interessante que as KTM estão na repescagem, com desempenho muito diferente da última corrida.

Nas primeiras voltas o top2 estava justamente com Aleix Espargaró e pol Espargaró, que começavam a se alternar nessas posições seguidos de perto por Miguel Oliveira.

Esta classificação estava monótona, parecendo que nenhum outro piloto superaria os irmãos Espargaró, com Pol na p1 e Aleix na p2, sendo Petrucci na p3 quem mais se aproximava faltando 1 minuto.

Como sempre as emoções acontecem após o cronômetro zerado quando Miguel Oliveira aparece na p2.

Passam ao Q2 Pol Espargaró e Miguel Oliveira.

Foto: Twitter/@polespargaro
RESULTADO Q1
Créditos: www.motogp.com
Q2

Partiram em busca da pole para o GP de San Marino Rossi, Viñales, Quartararo, Miller, Rins, Mir, Bagnaia, Zarco, Morbidelli, Dovizioso, Pol Espargaró e Oliveira.

Na sua primeira tentativa de tempo Pol Espargaró cai na curva 15. Na frente Viñales, Bagnaia e Miller.

Na volta seguinte um Valentino Rossi muito confiante em sua moto assume a ponta, mas ao passar Quartararo toma a p1, deixa Rossi na p2 e Morbidelli na p3. YAMAHA no top3.

Os pilotos entraram para suas garagens faltando 5 minutos e na sequência para pista Viñales assume a p1, com Quartararo p2 e Rossi na p3. pol Espargaró conseguiu chegar na garagem e saiu com a moto reserva.

Viñales passa na garagem faltando 3 minutos, troca de moto e sai para buscar a pole. As YAMAHA dominando o Q2.

Com o cronômetro zerado e tudo indefinido ficamos na expectativa de quem ficaria com a pole, muito disputada.

Pole para Maverick Viñales, com Fábio Quartararo, Franco Morbidelli e Valentino Rossi fechando top4. Quanta saudade dessa supremacia da YAMAHA, muito bom para a corrida de amanhã.

Foto: vinales_mvkoficial12

Miller, Bagnaia, Rins, Mir, Dovizioso, Zarco, Pol Espargaró e Miguel Oliveira completam o top12.

RESULTADO Q2
Créditos: www.motogp.com