Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP da Austrália – 2017

FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP da Austrália – 2017

303
Foto: Zak Mauger / LAT Images / Fotos Públicas

E o que parecia mera sorte ou apenas detalhes dos testes pré-temporada, acaba acontecendo e a Ferrari com Sebastian Vettel surpreende na estreia da temporada 2017 da Fórmula 1!

Nesta madrugada de sábado para domingo (26/03/2017), observamos uma largada precisa de Hamilton e mantendo-se na primeira posição. Bottas até tentou, mas Vettel não permitiu a ultrapassagem e seguiu na cola de Lewis Hamilton. Pela primeira vez em anos, Hamilton e a imbatível Mercedes não disparou logo nas primeiras voltas! E volta após volta, quem achou que era questão de tempo e Hamilton iria sim desgrudar do resto e partir fácil para vitória, se enganou! Luizinho liderou a primeira parte da corrida, mas Vettel passou à frente após Hamilton parar, aparentemente, muito cedo – volta 17. No retorno, o britânico acabou ficando atrás de Max Verstappen, não conseguiu avançar e Vettel, 5 voltas depois, fez seu pit stop e conseguiu retornar à frente dos 2. Max até tentou algo para cima do alemão, mas sem sucesso!

Em seguida Verstappen também parou nos boxes, na volta 27 Kimi também parou e assim tínhamos no top3: Vettel, Hamilton e Bottas. Porém o alemão com pneus mais novos que o britânico. Assim, o esperado, que Hamilton iria iniciar uma caça para cima da Ferrari, não aconteceu! Pelo contrário, Vettel começou a abrir e Bottas diminua freneticamente sua diferença para o companheiro.

Enquanto isso lá no resto, vinha o pelotão 2: Kimi, Max e Massa (estou sendo bonzinho ao colocá-lo no pelotão 2). Depois disso a turma que acabou tomando volta: Perez, Sainz, Kvyat e cia. Já na primeira curva, “Sony” Ericsson já se enroscou com Magnussen e foram parar na área de escape! Ambos retornaram, mas acabaram abandonando, respectivamente, nas voltas 24 e 50. Ricciardo acabou largando dos boxes com problemas, possivelmente, em virtude da sua batida nos treinos. Na volta 29 o piloto da Red Bull acabou abandonando com problemas, aparentemente, na unidade de potência. Alonso chegou a fazer milagre, colocando aquele protótipo de carro na zona de pontuação, mas após levar as ultrapassagens de Ocon e Hulkenberg, acabou abandonando a prova! Também abandonaram: Palmer, Grosjean e adivinhem… sim, Lance Stroll – O “piloto” da Williams que vinha em 13º errou uma curva e foi à área de escape, danificando o carro e sendo obrigado a abandonar nos boxes. A Force India acabou, pelo menos com seus pilotos entre os dez primeiros. Pérez foi o 7º e Ocon terminou em 10º.

Massa e a Williams, nada mais que o normal, 6º lugar e está tudo bem assim! Como ele mesmo disse à Sky Sporte F1: “Nada mau para um velho”. Ainda disse:

“Foi uma boa corrida. Sabíamos que Ferrari, Mercedes e Red Bull tinham carros MUITO melhores. Para batê-los precisávamos de sorte, algo que tivemos com Daniel (Ricciardo). Mas me sinto mal por ele, por ter tido todos esses problemas em sua corrida de casa. Mas estou feliz de ter tido uma posição a mais. Consegui passar Grosjean na largada e conseguimos mais alguns pontos. Depois disso, diria que corri sozinho. Consegui um ritmo consistente e estou feliz com o resultado para ser honesto. Não é possível lutar com essas três equipes da frente”

Já o imprevisível Alonso soltou:

“Provavelmente foi a melhor corrida da minha vida até este momento. Poucas vezes eu tive um carro tão pouco competitivo, sem qualquer preparação de inverno, tendo que economizar combustível de uma maneira brutal e mesmo assim estávamos nos pontos. Foi uma grande surpresa o que estávamos fazendo, mas no final não conseguimos completar. Mas foi provavelmente uma das melhores corridas que já tive”

Em relação ao feito de Lance Stroll, Paddy Lowe (chefe técnico da equipe – resolveu sair em defesa do garoto:

“Você pode imaginar a pressão que ele estava experimentando? Por mais de um ano, Lance estava se preparando para este momento e então tudo acontece em apenas alguns momentos, quase sem prática. Mas na corrida ele ganha mais experiência, provavelmente agora com um pouco menos de pressão, porque ele partiu da linha de trás, então ele tem a oportunidade de praticar e entender o que é uma corrida e ter mais confiança para a China. Nesta fase de sua carreira, Lance realmente precisa de apoio em primeiro lugar. Ele tem apenas 18 anos, mas já tem um alto nível de maturidade e uma abordagem equilibrada. O principal é ele manter suas expectativas sob controle, só queremos que ele passe o fim de semana normalmente, tendo uma ideia do que significa estar na F1”

Voltando ao que interessa, Vettel continuava abrindo vantagem e garantiu, por incrível que parece, uma vitória fácil! Hamilton chegou ainda em segundo, mas quase 10 segundos atrás do alemão. Bottas fechou o pódio a menos de 2 segundos para o companheiro. Se foi o esperado para uns ou uma surpresa para outros, não interessa! O que importa é que, mesmo sendo por erro de estratégia da Mercedes, o novo regulamento e os novos carros fizeram um carro diferente da Mercedes vender já na primeira etapa da temporada! Como base de comparação, se fosse ano passado, Hamilton teria tirado a diferença e ultrapassado facilmente Vettel nas voltas que restavam após a parada do alemão. Então, creio que temos uma evolução e uma boa expectativa para o restante da temporada!

Hamilton comenta sobre a corrida e principalmente sobre a falta de condição do carro/conjunto para alcançar e atacar Vettel:

“Nós não tínhamos ritmo para tirar a diferença! Sabíamos disso desde o início. Mas continuamos neste caminho, que simplesmente acabou não funcionando. Há uma área em que temos que trabalhar, obviamente no uso de pneus. Estamos tentando executar algumas mudanças para melhorar isso no futuro. Em resumo, podemos fazer melhor”.

Por outro lado, me preocupou o fato de que a corrida foi EXTREMAMENTE chata e sonolenta! Nada de disputas ou brigas frenéticas! A transmissão até tentou passar uma emoção na “persegução” de Lance Stroll a uma Sauber. Tentando explicar que as ultrapassagens são realmente mais difíceis com os novos carros! Jesus… que base de comparação é essa!

Mas com a vitória, Vettel sai da Austrália líder, o que não acontecia desde 2013 – quando sagrou-se tetracampeão. Ainda, a Ferrari não ficava a frente na liderança desde 2012, com Alonso!

RESULTADO FINAL

FOTOS

Aprecie algumas fotos dos treinos livres, classificação e corrida. Os cliques são de LAT Images / Fotos Públicas. Cada foto possui os créditos de seus autores:

[envira-gallery id=”12711″]

PRÓXIMA ETAPA

A próxima etapa será na China em 09 de abril de 2017! Veja o calendário completo!