Início Stock Car Stock Car 2016 – Última prova em Interlagos – Que corrida!

Stock Car 2016 – Última prova em Interlagos – Que corrida!

32

 3 min de leitura

www.facebook.com/stockcaroficial
www.facebook.com/stockcaroficial

Chegamos na última prova da Stock Car de 2016, decisão pelo título entre Felipe Fraga e Rubens Barichello. A corrida começou estranha para Rubinho, já na largada perde a segunda posição para Valdeno Brito e na sequência Daniel Serra e Diego Nunes. Me passou a impressão que Rubinho estava um pouco desatento e não percebeu as intenções de Valdeno. Resultado, na segunda volta Fraga já abria do segundo pelotão.

Toda corrida tem suas variáveis, e estas insistem em mudar os rumos das provas. Na 3ª volta, Bia Figueiredo se envolve em acidente com Raphael Abbate e o carro de segurança é acionado. Na relargada, na saída do S do Senna, Rubinho sai de traseira, roda e perde muitas posições. Rubinho cai para 18º. Fim de corrida e de campeonato? Não…trata-se de Rubens Barrichello que está em busca do 2º campeonato.

A corrida continuava e quando faltavam 24 minutos Daniel Serra passa Valdeno Brito bem no momento que a câmera interna do carro 111 começa a mostrar pingos no para brisa. Chuva? São Pedro está torcendo também por Rubinho? No mesmo instante, ainda na ponta, Felipe Fraga escorrega na freada da entrada do S do Senna e quase roda, conseguindo segurar seu carro. A pista começa a ficar escorregadia e na 11ª volta Fraga entra nos boxes para troca de pneus. Escorrega no box, agride um pneu e perde alguns segundos. Rubinho segue com pneus para seco.

Volta 12 e Rubinho já ocupa a 8ª posição. Na volta 13 passa Ricardo Maurício e já é quinto. Faltando 13 minutos para prova terminar e quem trocou para pneus de chuva está rodando mais alto que Barrichello. Na volta 15 as primeiras posições eram de Daniel Serra, Tuca Rocha, Júlio Campo e…Rubens Barrichello. Com menos de 9 minutos para o fim da prova, na 10ª posição, Felipe Fraga decide correr pelo campeonato, com cabeça, pensando nos pontos necessários, enquanto Rubinho já brigava pela 2ª posição com Khodair, conseguindo este objetivo na volta 17.

Faltam 6 minutos e meio, Serra segue na ponta a 6,732 segundos de Rubinho. Fraga em 10º. Na volta 19 o pneu de Khodair estoura e ele vai para os boxes. Rubinho é mais rápido que Fraga, mas isso é insuficiente para conseguir reverter o campeonato.

Restam 2 minutos, Fraga já é nono, título cada vez mais próximo. Último minuto e temos Serra, Barrichello e Ricardinho. Valdeno passa Fraga que volta para 10º na última volta enquanto Rubinho se aproxima cada vez mais de Serra que vence a prova com Rubinho heroicamente em segundo e Ricardinho em terceiro. Temos um novo campeão, um jovem de 21 anos que se mostrou um piloto completo: Felipe Fraga. Parabéns garoto.

Quanto a Rubinho, mostrou que continua o mesmo garoto de sempre quando se trata de corridas de automóvel, é atualmente o piloto mais completo da Stock Car e disse para Fraga no pódio: Gordinho, se cuida no ano que vem, esse ano foi seu.

A Stock Car encerra o ano, Red Bull é desfeita, Cacá vai para Cimed fazer companhia para Marcos Gomes e Fraga. Rubinho agora vai tirar férias… 2017 promete. Novo encontro em abril. Boas Festas Stock Car.

HO, ho,hoo!