Início Fórmula Indy FÓRMULA INDY – Resultado final do GP de Louisiana – 2015

FÓRMULA INDY – Resultado final do GP de Louisiana – 2015

24

 5 min de leitura

Foto: www.indycar.com
Foto: www.indycar.com

A chuva não deu trégua ao GP de Louisiana! Treinos e Corrida completamente afetados pelos temporais que passaram pelo autódromo. Já no Sábado a coisa ficou tão complicada que o treino classificatório foi interrompido e decidido pela ordem de classificação do campeonato.

Neste Domingo (12/05) a situação não mudou muito! Chuva, isso, apenas CHUVA! E no final a corrida acabou definida pelas estratégias e oportunidades dos pilotos com base na enorme quantidade de bandeiras amarelas. Praticamente não vimos corrida. Foram 6 bandeiras amarelas e quem melhor aproveitou foi James Hinchcliffe da SPM. Parou em momento ideal e com as paralisações conseguiu levar os pneus e combustível até o final. Outro com estratégia adequada para a situação foi o brasileiro Castroneves que ficou em segundo, seguido de James Jakes para completar o pódio.

A largada com Montoya e Power lado a lado tinha tudo para dar “o que falar”. Mas os meninos contiveram seus ânimos e e tivemos uma largada limpa e justa. Algumas escapadas apenas. Já na primeira volta o brasileiro Kanaan tentou atacar Power e acabou fora da pista, perdendo várias posições. Montoya tentou fugir de Power, mas o rendimento do australiano era muito bom também. Com a pista secando as coisas foram entrando em seus lugares. Montoya conseguia distanciar-se de Power. E no segundo bloco ótimas brigas: Pagenaud, Castroneves, Bourdais e Kanaan.

Veja algumas fotos do dia:

A turma começa a fazer as paradas e colocar pneus para pista seca. E assim começam os problemas. Lá pela volta 16, o colombiano Chaves roda e foi parar na grama. Mas um “santo” (para não dizer outra coisa”) de fiscal, na tentativa de ajudar, acabou deixando o carro no meio da pista! Resultado, a primeira bandeira amarela.

A prova recomeça na volta 21. Mas nesta relargada a coisa não foi muito fácil, Jakes e Hawksworth foram parar na barreira de pneus. Castroneves também bateu e perdeu grande parte da asa. Dracone, que estava na confusão, acabou rodando. Neste momento tinhamos mais uma bandeira amarela e com a seguinte classificação: Montoya, Power, Pagenaud, Bourdais, Rahal, Hunter-Reay, Filippi, Simona, Newgarden e Hinchcliffe. Kanaan somente em 19º após ter feito 2 paradas e seguido de Helinho. Dracone, em momentos de proeza, conseguiu atropelar um mecânico em sua parada sob bandeira amarela e teve seu carro recolhido.

Volta 28 e nova relargada! Para variar alguém fez lambança: Coletti perdeu o controle do carro e bateu forte no muro. Adivinha? Isso mesmo, nova bandeira amarela! Que prova CHATA! Os brasileiros aproveitam a nova paralisação para troca de todos os pneus.

Na volta 32 novo reinício! Desta vez Montoya, Power e Pagenaud pararam e voltaram bem entre os que tiveram que parar. Na ponta agora tínhamos Hinchcliffe, Huertas, Castroneves, Jakes, Kanaan e Simona. Mas claro, até que o segundo colocado roda na entrada da reta e joga fora ótima colocação e óbvio, BANDEIRA AMARELA NOVAMENTE! Já na volta 40 a corrida recomeça e felizmente tudo bem na primeira curva. Quando o cronômetro com a regressiva dos últimos 15 minutos já estava na tela, mais uma paralisação graças ao Karam atravessado na pista! Para os ponteiros que não haviam parado na última bandeira amarela era o que faltava.

A 8 minutos do fim nova relargada e Simona partiu firme para cima de Jakes e Castroneves. Mas a última bandeira amarela é acionada devido forte acidente entre Hunter-Reay, Pagenaud e Bourdais. E assim finalizamos a prova, sob bandeira amarela. Pena!

E no final, o GP da Louisiana terminou assim:

1º – #5 – JAMES HINCHCLIFFE – SPM HONDA – 47 voltas
2º – #6 – HELIO CASTRONEVES – PENSKE CHEVROLET – +0.427
3º – #7 – JAMES JAKES – SSM HONDA – +0.845
4º – #25 – SIMONA DE SILVESTRO – ANDRETTI HONDA – +1.292
5º – #2 – JUAN PABLO MONTOYA – PENSKE CHEVROLET – +1.756
6º – #10 – TONY KANAAN – GANASSI CHEVROLET – +2.263
7º – #1 – WILL POWER – PENSKE CHEVROLET – +3.095
8º – #15 – GRAHAM RAHAL – RLL HONDA – +4.349
9º – #67 – JOSEF NEWGARDEN – CFH CHEVROLET – +5.735
10º – #20 – LUCA FILIPPI – CFH CHEVROLET – +7.211
11º – #9 – SCOTT DIXON – GANASSI CHEVROLET – +7.842
12º – #34 – CARLOS MUÑOZ – ANDRETTI HONDA – +9.089
13º – #27 – MARCO ANDRETTI – ANDRETTI HONDA – +9.781
14º – #83 – CHARLIE KIMBALL – GANASSI CHEVROLET – +15.722
15º – #98 – GABBY CHAVES – BRYAN HERTA HONDA – +1 volta
16º – #18 – CARLOS HUERTAS – DALE COYNE HONDA – +1 volta
17º – #4 – STEFANO COLETTI – KV CHEVROLET – +3 voltas
18º – #8 – SAGE KARAM – GANASSI CHEVROLET – +3 voltas (NC)
19º – #28 – RYAN HUNTER-REAY – ANDRETTI HONDA – +4 voltas (NC)
20º – #77 – SIMON PAGENAUD – PENSKE CHEVROLET – +4 voltas (NC)
21º – #11 – SÉBASTIEN BOURDAIS – KV CHEVROLET – +4 voltas (NC)
22º – #14 – TAKUMA SATO – FOYT HONDA – +8 voltas (NC)
23º – #19 – FRANCESCO DRACONE – DALE COYNE HONDA – +24 voltas (NC)
24º – #41 – JACK HAWKSWORTH – FOYT HONDA – +28 voltas (NC)

Confira a classificação geral após a etapa de Louisiana:

1º JUAN PABLO MONTOYA (COL) – PENSKE CHEVROLET – 84
2º HELIO CASTRONEVES (BRA) – PENSKE CHEVROLET – 74
3º WILL POWER (AUS) – PENSKE CHEVROLET – 70
4º JAMES HINCHCLIFFE (CAN) – SCHMIDT HONDA – 65
5º TONY KANAAN (BRA) – GANASSI CHEVROLET – 63
6º SIMONA DE SILVESTRO (SUI) – ANDRETTI HONDA – 44
7º GRAHAM RAHAL (EUA) – RLL HONDA – 43
8º JAMES JAKES (ING) – SCHMIDT HONDA – 43
9º LUCA FILIPPI (ITA) – CFH CHEVROLET – 42
10º SIMON PAGENAUD (FRA) – PENSKE CHEVROLET – 41
11º JOSEF NEWGARDEN (EUA) – CFH CHEVROLET – 40
12º SÉBASTIEN BOURDAIS (FRA) – KV CHEVROLET – 37
13º RYAN HUNTER-REAY (EUA) – ANDRETTI HONDA – 37
14º MARCO ANDRETTI (EUA) – ANDRETTI HONDA – 37
15º SCOTT DIXON (NZL) – GANASSI CHEVROLET – 34
16º CARLOS MUÑOZ (COL) – ANDRETTI HONDA – 34
17º JACK HAWKSWORTH (ING) – FOYT HONDA – 31
18º GABBY CHAVES (COL) – BRYAN HERTA HONDA – 28
19º CHARLIE KIMBALL (EUA) – GANASSI CHEVROLET – 25
20º TAKUMA SATO (JAP) – FOYT HONDA – 25
21º STEFANO COLETTI (MCO) – KV CHEVROLET – 23
22º SAGE KARAM (EUA) – GANASSI CHEVROLET – 23
23º CARLOS HUERTAS (COL) – DALE COYNE HONDA – 20
24º FRANCESCO DRACONE (ITA) – DALE COYNE HONDA – 14

Para ver mais fotos, acesse www.indycar.com