Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Renault testará nova asa frontal no Japão – 2019

FÓRMULA 1 – Renault testará nova asa frontal no Japão – 2019

175
(Foto: reprodução Twitter oficial @RenaultF1Team)

Com 33 pontos atrás da Mclaren, (sua principal concorrente na briga pelo quarto lugar no campeonato) a escuderia francesa aposta no novo design dianteiro para tentar garantir mais pontos nas próximas corridas, a partir deste final de semana.

A expectativa dos engenheiros e técnicos da equipe é adicionar aos carros de Daniel Ricciardo e Nico Hulkenberg, mais efeito-solo (downforce) e melhor desempenho de aerodinâmica, principalmente em Suzuka.

O diretor técnico de chassi da Renault, Nick Chester, explica:

Com muitas mudanças de altitude, longas retas terminando em chicanes apertadas ou grampos de cabelo e cantos interessantes, [Suzuka] é um desafio para acertar. [Requer] forte aderência frontal para o Setor 1 com mudança de direção em alta velocidade, mas com estabilidade suficiente para dar confiança ao motorista. Estamos trazendo uma nova asa dianteira para Suzuka. Também temos uma nova ala de chassi – externamente, as mudanças são bem sutis, mas esperamos mais força e aderência como resultado.”

Como Nick afirmou, a Renault pretende implantar novas asas de chassi durante essa semana.

(Foto: reprodução site oficial formula1.com)

Nico Hulkenberg comentou a estratégia de atualização da asa frontal e mostrou sua insatisfação nas corridas anteriores:

Hulkenberg: “É óbvio que perdemos pontos em Singapura e na Rússia, e isso é frustrante, devido ao nosso ritmo competitivo e posições classificatórias. Ainda estamos na batalha pelo quarto lugar. Nossos domingos precisam ser mais limpos, mas isso se deve a vários fatores: do meu lado, do lado da equipe e de algumas coisas que não podemos controlar. Temos que atingir grandes pontos no Japão.”

A Renault tem apenas 5 provas para superar a Mclaren, mas desde a volta das férias de verão, a equipe francesa tem se saído melhor: 29 pontos alcançados, contra 19 da rival. Dentre essa pontuação, 22 foram recebidos no GP da Itália, onde Ricciardo e Hulkenberg chegaram na P4 e P5 respectivamente. Mas a hora da verdade será a partir do apagar das luzes em Suzuka, no próximo domingo.