Início NASCAR NASCAR – Na segunda etapa dos playoffs, Truex Jr. vence novamente –...

NASCAR – Na segunda etapa dos playoffs, Truex Jr. vence novamente – Richmond – 2019

101
Segunda etapa dos playoffs da MONSTER CUP na bela noite de Richmond Créditos : Sean Gardner | Getty Images (nascar.com)

Salve salve fãs da NASCAR ! Tem esportista que na hora decisiva cresce e mostra sua força. Parece ser o caso de Martin Truex Jr #19. O campeão de 2017 venceu as duas corridas dos playoffs e vem assustando a concorrência com sua competitividade e regularidade. Após Las Vegas, dessa vez a vitória veio na noite de Richmond. O pequeno oval de 0.75 Milhas recebeu os 38 carros da NASCAR, nesta etapa, com os 750cv de potência liberados. Lembro que o regulamento altera a potência de acordo com o circuito. Em Richmond, pelas características, os carros estão o tempo todo em disputa e o freio é muito exigido, virando peça chave para o resultado.

Desde o início da corrida, o quarteto da equipe Joe Gibbs Racing (Truex Jr., Kyle Busch, Hamlin e Erik Jones), mostrava que dominaria a corrida e brigaria pela vitória. O primeiro carro fora do quarteto fantástico, que tentava romper esse domínio era o pole Brad Keselowski #2, mas no fim a boa P5 era o que lhe restaria. Na verdade, Martin Truex Jr. #19 e Kyle Busch #18 revezaram na liderança do primeiro e segundo segmento, não dando muita margem para o restante do pelotão, mas no final da corrida prevaleceu o Toyota #19. Porém, Kyle Busch que vinha de um resultado muito ruim na etapa anterior mostrou porque foi o campeão da temporada regular e apresentou o ritmo que o colocou como um dos favoritos ao título. O “carro das guloseimas” voltou ! Denny Hamlin #11 foi outro que acordou, já que vinha de uma corrida burocrática em Vegas e voltou a andar da forma que surpreendeu e calou os seus críticos (leia-se Kojak Malaguti).

O “carro das guloseimas” e Hamlin voltaram a andar forte em Richmond Créditos : Jared C. Tilton | Getty Images (nascar.com)

E quem dos 16 classificados para os playoffs andou de marcha ré nessa etapa? Dessa vez quem se complicou foram os jovens Alex Bowman #88 e William Byron #24 que se envolveram em acidente e cruzaram a linha de chegada em P23 e P24 respectivamente. Outro que colocou o pé fora da próxima fase é o veterano Kurt Busch#1, que numa noite infeliz, recebeu a quadriculada na P18.

Por falar em infeliz, Ricky Stenhouse Jr. #17 vinha fazendo uma prova muito honesta e de certa forma surpreendente, tendo em vista sua temporada aquém do esperado. Vinha até chamando a atenção, mas como não se pode elogiar, o mesmo veio a repetir o que vem fazendo em 2019, ou seja, bobagem. Após sair dos boxes com pneus novos, Stenhouse Jr. foi para cima do líder Martin Truex Jr., colocou por dentro, mas deixou o carro sair da linha e subiu, tocando no Toyota #19, fazendo-o rodar e ficar ao contrário na pista. Por sorte e mérito do piloto, o carro não bateu no muro e nem foi abalroado por outro competidor. Enfim, a sorte de Truex Jr. naquela noite poderia ter sido muito diferente! Ao invés da vitória, poderia ter tido como resultado um abandono, graças a uma barbeiragem do irregular Ricky Stenhouse Jr. Sinais…

Stenhouse Jr. #17 provoca a rodada do líder Truex Jr. #19, que não teve danos e ainda venceu. Sorte de campeão ?? Créditos : Jared C. Tilton | Getty Images (nascar.com)

Seguimos no ramo da infelicidade. Tudo parecia perfeito para a Joe Gibbs Racing, seus carros cruzaram nas quatro primeiras posições (Truex Jr., Kyle Busch, Denny Hamlin e Erik Jones). Mas como já dito em textos anteriores, podemos falar tudo da NASCAR, menos que os organizadores são relapsos com o regulamento técnico. O carro #20 de Erik Jones não passou na inspeção pós corrida e foi desclassificado. O jovem piloto agora se encontra em situação delicadíssima nos playoffs. Apenas a vitória na prova derradeira o mantém na briga pelo título.

Virando o disco, uma noite muito feliz para “The Rocket man” Ryan Newman #6 que largou na P19 e ficou com uma ótima P5 após a desclassificação de Jones. Muita gente (inclusive eu), apostava que o veterano, até pelas condições da equipe, não passaria para a próxima fase dos playoffs, mas a verdade é que Newman faz um campeonato excelente, está com boa chance de avançar e mostra que ainda tem muita lenha pra queimar aos 41 anos.

DESTAQUES FINAIS

E que semana para o talento da Xfinity (“Série B”) Christopher Bell. Após vencer a primeira etapa dos playoffs em Richmond, Bell foi anunciado como o piloto que vai substituir Matt DiBenedetto na Monster Cup, no carro 95 da Leavine Family Racing. Um bom começo para se adaptar e aí sim, futuramente, alçar voos maiores. Continuo aguardando o anúncio dos seus “rivais” da Xfinity, Tyler Reddick e Cole Custer. A nova geração vem forte.

Segue abaixo a tabela dos playoffs da Monster Cup. De Ryan Newman #6, que está a 14 pts acima da linha de corte, até Kurt Busch #1, que está 14 pontos abaixo, tudo pode acontecer na próxima e última etapa dessa primeira fase dos playoffs, na qual quatro pilotos serão eliminados. Martin Truex Jr., Kevin Harvick e Kyle Busch já estão garantidos. Como escrito acima, Erik Jones se salva apenas com a vitória. Será imperdível!

Fonte : Nascar Digital Media

A Monster volta com essa decisão no próximo domingo, dia 29 de setembro no sensacional Roval de Charlotte, que mistura circuito misto com oval, é sensacional. De quebra, no sábado, poderemos ver a segunda etapa dos playoffs da Xfinity e acompanhar a disputa do trio Tyler Reddick, Christopher Bell e Cole Custer. Vale a pena conferir e VIVA A NASCAR!

E como diria Kal-El : “Para o alto e avante !!”

MELHORES MOMENTOS