Início Destaque FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP de Mônaco – 2019

FÓRMULA 1 – Resultado Final – GP de Mônaco – 2019

1450
Foto: Twitter Oficial Mercedes AMG F1

E tivemos neste domingo (26/05/2019), com MUITAS homenagens ao mito Niki Lauda, o GP de Mônaco de Fórmula 1! Mais uma dobradinha da Mercedes na largada: Lewis e Bottas. Max abriu a segunda fila, com Vettel fechando. Leclerc, depois de FIASCO da Ferrari, largou em 16º.

Na corrida, deu ele, LEWIS HAMILTON! SENSACIONAL! Com um DRAMA em virtude das escolhas de pneus da Mercedes (médios) e desempenho impecável, LEWIS HAMILTON venceu de ponta a ponta! O que seria mais uma dobradinha da Mercedes, começou a complicar quando Leclerc teve seu pneu furado e obrigou a entrada de carro de segurança. Os ponteiros fizeram suas paradas de boxes e na saída do pit, Bottas perdeu posição para Max e para piorar teve pneu furado, repetindo o pit-stop. Mas a prova seguiu, Max Verstappen levou penalidade de 5 segundos e ajudou um pouco a vida de Bottas que ainda conseguiu terminar em 3º. Vettel também se beneficiou pela punição de Max e subiu ainda ao pódio em 2º! Max terminou em 4º, mas foi o destaque da prova por ter sido o único a acompanhar o ritmo de Lewis e ainda pressionar até a última volta!

CORRIDA EM DETALHES

Largada tranquila e sem incidentes, todos com cautela! Hamilton consegue manter-se na ponta e Bottas assegurando a 2ª posição, mesmo com pressão de Max Verstappen. Após o final da primeira volta, Vettel e Ricciardo fechavam a TOP5. Em seguida tínhamos: Magnussen, Gasly, Sainz, Kvyat, Albon e Hulkenberg. Leclerc, que largou em 16º, ganhou 2 posições.

Volta 3 e Leclerc, com pneus médios (Vettel com macios), assumia a 13º posição. Hamilton abria 1 segundo para Bottas. Vettel, em 4º, já aparecia quase 5 segundos atrás do líder. É muita diferença da Mercedes para o resto!

Mais algumas voltas, Leclerc ainda em 13º, começa a sentir as dificuldades de ultrapassagem em Mônaco! Naquele momento pressionando Grosjean. Entre os ponteiros, Hamilton, Bottas, Max, Vettel e Ricciardo. Do outro lado do grid, Stroll em 15º, seguido de Perez, Kimi, Kubica, Giovinazzi e Russell.

Na volta 8, Leclerc consegue tomar a 12ª posição de Grosjean e parte para cima de Hulkenberg. Mas… Mas… na tentativa de ultrapassar Hulk, se tocam e pneu de Leclerc fura! Complicou tudo! Vai aos boxes e retorna em último!

Foto: Twitter Oficial F1

Carro de segurança entra na pista para limpeza. Equipes entram para trocas de pneus, Hamilton coloca médios e Ferrari ARRISCA pneus Duros para tentar seguir até o fim! Na saída dos boxes grande congestionamento e Max Verstappen TOMA a posição de Bottas!

Volta 13 e a Mercedes, em virtude de FURO de pneus, faz nova parada com Bottas para nova troca de pneus, saindo com DUROS, assim como Vettel! Relargada na volta 15 e após o fechamento da volta tínhamos: Hamilton, Max, Vettel, Bottas, Gasly, Kvyat, Albon, Grosjean, Norris no TOP 10. Os pilotos entre o 5º e 12º NÃO fizeram pit-stop durante o carro de segurança!

Chegamos na volta 18, Leclerc avisa equipe que carro não responde conforme esperado e cogita abandonar, o que acontece logo em seguida. Que pena! Mas, volta 20 e Hamilton seguia na ponteira com 0.800s para Max Verstappen, que consegue acompanhar o ritmo do líder. Depois tínhamos Vettel com 1.5 segundos atrás de Hamilton.

Foto: Twitter Oficial F1

Depois de investigação, Max Verstappen foi punido em 5 segundos pela saída de box tumultuada e que em tese prejudicou Bottas. Giovinazzi também recebe punição, em seu caso de 10 segundos. Chegamos na volta 26 e Verstappen se aproxima um pouco de Hamilton, diferença que era de 0.800s passa a ser 0.500s. Logo atrás Vettel e Bottas.

Previsão de chuva se torna realidade e começam a cair algumas gotas na pista – volta 30! Hamilton consegue folego e abre novamente 0.700s para Max. Mas realmente bem estranho o desempenho da Mercedes de Lewis, já que não consegue abrir vantagem mesmo com pneus mais rápidos que os demais ponteiros. Os pilotos intermediários começam a executar seus pit-stops! Estranhamente Ricciardo que era o 5º quando entrou o carro de segurança (e fez sua parada), não conseguir ganhar as posições de quem não parou naquele momento! Volta 35 e ainda em 13º.

Chegamos a metade da prova, a chuva que era “real” virou “sonho”. Max seguia no ritmo de Hamilton. Vettel mais de 1.5 segundos atrás de Max e tinha boa diferença para Bottas. A situação era a seguinte:

Volta 45 e Bottas fica para trás, quase 3 segundos atrás de Vettel. Momento em que Albon assume a melhor volta da prova até então, demonstrando o quão morna estava a prova. Com a aproximação nos retardatários, Hamilton negocia melhor até então e consegue abrir um pouco mais em relação a Max Verstappen, que amplia a diferença para Vettel e Bottas!

Faltando 25 voltas para o final, seguimos com o Hamilton na ponta e reclamando muito dos pneus (médios). Max, Vettel e Bottas fechavam o pelotão principal. Gasly em 5º, Sainz, Kvyat, Albon, Grosjean e Ricciardo completavam o TOP10. Stroll, Kimi, Kubica e Giovinazzi fechavam a fila!

Foto: Twitter Oficial F1

Vinte voltas para o final! Hamilton e Mercedes ainda com o drama da situação dos pneus e a decisão DIFÍCIL entre PARAR e NÃO PARAR! Hamilton reforça ao rádio que estava impossível pilotar! Mas engenheiros tentam convencê-lo em ficar na pista, sob pena de perder a corrida e muitos pontos!

“Não sei onde vocês estavam com a cabeça quando colocaram esses pneus em meu carro! Agora eu preciso de um milagre para salvar isso aqui” – Lewis revoltado ao rádio!

Faltando 15 voltas e Vettel se aproxima de Max Verstappen. Bottas tenta seguir no mesmo ritmo do piloto da Ferrari. Gasly troca por pneus vermelhos na busca da volta mais rápida e do ponto adicional, e é o que acontece na volta 67: 1:14.567s.

Volta 68 e Hamilton parece encontrar ânimo, fé e segue mantendo Max Verstappen em distancia segura para evitar qualquer ação mais efetiva do piloto da Red Bull. Mas… via rádio, equipe avisa para Max mudar modo de potência e pressionar de vez o ponteiro! Após várias tentativas, Hamilton conseguiu defender-se brilhantemente e seguiu à frente milagrosamente! Vettel e Bottas observavam à distância!

Foto: Twitter Oficial F1

FIM DE PROVA! FIM DE PROVA! Deu ele, LEWIS HAMILTON! SENSACIONAL! Com um DRAMA em virtude das escolhas de pneus da Mercedes (médios) e desempenho impecável, LEWIS HAMILTON venceu de ponta a ponta! O que seria mais uma dobradinha da Mercedes, começou a complicar quando Leclerc teve seu pneu furado e obrigou a entrada de carro de segurança. Os ponteiros fizeram suas paradas de boxes e na saída do pit, Bottas perdeu posição para Max e para piorar teve pneu furado, repetindo o pit-stop. Mas a prova seguiu, Max Verstappen levou penalidade de 5 segundos e ajudou um pouco a vida de Bottas que ainda conseguiu terminar em 3º. Vettel também se beneficiou pela punição de Max e subiu ainda ao pódio em 2º! Max terminou em 4º, mas foi o destaque da prova por ter sido o único a acompanhar o ritmo de Lewis e ainda pressionar até a última volta!

RESULTADO FINAL

E NÃO ESQUEÇA

Hoje temos ainda as 500 MILHAS DE INDIANÁPOLIS de Fórmula Indy! Veja como ficou o GRID DE LARGADA:

SIGA A GENTE