Início Destaque WSBK – E o favoritismo de Rea se confirma! – França –...

WSBK – E o favoritismo de Rea se confirma! – França – 2018

117

E tivemos neste final de semana (29 e 30/09/2018) mais uma etapa da WSBK em Magny-Cours na França. E nada de diferente da última etapa, já que Jonathan Rea vence as duas baterias, mas a França foi especial pois Rea faturou o TETRA CAMPEONATO da categoria principal logo na primeira bateria!

Imagem: Twitter oficial WSBK

Mas não foi só a principal categoria que conheceu seu campeão, a STK1000 e a SSP300 também conheceram seus campeões. Na STK1000, que utiliza as mesmas motos que a WSBK, mas com menos preparações e corre só nos circuitos europeus, o campeão foi o alemão Markus Reiterberger (piloto da alpha Racing-Van Zon-BMW). O piloto teve uma temporada espetacular e ao terminar em 3º este final de semana, garantiu o título da categoria.

Imagem: Twitter oficial WSBK

Já na SSP300, uma categoria que estreou ano passado e já faz grande sucesso pela competitividade e grid cheio, tivemos Ana Carrasco como campeã. Como de costume, a corrida e o campeonato foi decidido nas últimas curvas da ultimas voltas. O titulo estava sendo disputado entre 3 pilotos: Ana Carrasco (DS Junior Team Kawasaki), Mika Peres (Kawasaki Parkingo Team) e Scoot Deroue (Motoport Kawasaki). No final das contas, a disputa ficou mesmo entre Ana Carrasco e Mika Perez, já que Scoot Deroue teve problemas com sua moto nas primeiras voltas.

De qualquer maneira a corrida não estava fácil nem para Carrasco ou para Perez, já que cada um dependia do resultado do outro para garantir o campeonato, sendo a situação de Ana Carrasco um pouco mais difícil (largou no final do pelotão em 25ª, enquanto Perez largava da 4ª posição). Tal situação, obrigava Ana Carrasco a ganhar muitas posições e pontuar. E não foi isso que ela fez? Carrasco tratou de ir subindo no grid, mas lá na frente, Perez também conseguia posições até chegar na liderança (o que lhe assegurava o titulo).

Mas quando tudo parecia decidido, na última volta, faltando 3 curvas para o fim, Daniel Valle (BDC Yamaha Ms team) ultrapassa Perez, conquista a vitória e entrega o título para Ana Carrasco, que terminou em 13º. Com o titulo, Ana Carrasco passa a ser a primeira mulher a ganhar um titulo mundial.

Imagem: Twitter oficial WSBK

Ainda falta a categoria WorldSSP para ser decidida. A liderança é do alemão Sandro Cortese com 169 pontos, 11 a mais que o segundo colocado. Tal contexto leva a decisão para as ultimas duas provas: Argentina (12 à 14 de outubro) em uma prova inédita no calendário e Qatar (25 à 27 de outubro). Já na WSBK a briga fica pelo 2º lugar do campeonato entre Chaz Davies e Van de Mark.

A pergunta que ficar no ar, agora que Jonathan Rea faturou o titulo ele vai tirar a mão? Ou vai brigar até a última volta da última etapa?