Início Destaque STOCK LIGHT – Programação, Grid de Largada e Resultado da Corrida 1...

STOCK LIGHT – Programação, Grid de Largada e Resultado da Corrida 1 – Interlagos – 2018

493
Gabriel Robe vence a Corrida 1 da Stock Light - Foto: Jorge Tadeu / Facebook Gabriel Robe
Gabriel Robe vence a Corrida 1 da Stock Light – Foto: Jorge Tadeu / Facebook Gabriel Robe

E como já é de conhecimento de todos (veja aqui), a categoria de acesso à STOCK CAR, chamada de STOCK LIGHT entre os anos de 1993 e 2009, retorna em 2018! Na verdade substituirá o CAMPEONATO BRASILEIRO DE TURISMO – categoria que “acabou” declarada a porta de entrada para a STOCK CAR nos últimos anos. Os carros serão basicamente os mesmos, sendo empurrados pelos atuais motores V8 (de menor potência que os da Stock Car – cento e poucos cavalos a menos). Para as bolhas, estimava-se a utilização dos Chevrolet Cruze, utilizado na Stock Car, mas infelizmente não evoluiu neste sentido, ficando as bolhas do ano passado com algumas modificações.

O calendário prevê 8 etapas. Sendo 7 etapas em formato de rodadas duplas e a grande final em corrida única com pontuação dobrada – veja o CALENDÁRIO 2018 aqui!

PILOTOS

Increveram-se para a temporada os seguintes pilotos, sendo boa parte deles já participantes do agora extinto Campeonato Brasileiro de Turismo:

#17 – Pietro Rimbano – Equipe Cimed Racing Junior / W2 Racing
#86 – Gustavo Frigoto – Equipe Água da Serra / RKL Competições
#07 – Vinicius Margiota – Equipe AN09 Racing Team
#22 – Gabriel Lusquiños – Equipe Motortech Competições
#35 – Gabriel Robe – Equipe Motortech Competições
#58 – João Rosate – Equipe Carlos Alves Competições
#43 – Pedro Cardoso – Equipe Carlos Alves Competições
#74 – Odair dos Santos – Equipe PGG MRF Paraguay Racing
#18 – Gustavo Myasava – Equipe PGG MRF Paraguay Racing
#85 – Enzo Bortoletto – Equipe KTF Sports
#09 – Marcel Coletta
#23 – Marco Cozzi
#36 – Pedro Boesel
#77 – Raphael Reis – Academia Shell Racing
#01 – Erik Mayrink – Equipe TMG/RZ
#66 – Gustavo Bandeira
#89 – Rodrigo Gil
#71 – Lucas Dalaffe – Equipe MRF MotorSport
#10 – Murilo Coletta
#46 – Tuca Antoniazzi – Equipe Motortech Competições
#12 – Lauro Traldi – Equipe MRF MotorSport

Lista sempre atualizada aqui:

ETAPA INICIAL – INTERLAGOS

Para a primeira etapa do ano o circuito escolhido, obviamente acompanhando a categoria mão, é Interlagos/SP. Os trabalhos em pista iniciaram na quarta-feira (07/03) com treinos pré-temporada. No dia seguinte e nesta sexta-feira (09/03) partimos para os treinos livres válidos pela 1ª etapa. Ainda na sexta-feira tivemos o treino classificatório e a corrida #1.

Na tomada de tempo tivemos Gustavo Myasava, Enzo Bortoletto, Gabriel Robe, Pietro Rimbano e Pedro Cardoso no TOP5. E neste sábado, uma hora antes da CORRIDA de DUPLAS da Stock Car, teremos a Corrida #2 da Light, fechando a etapa inaugural.

Gabriel Robe vence a Corrida 1 da Stock Light - Foto: Jorge Tadeu / Facebook Gabriel Robe
Gabriel Robe vence a Corrida 1 da Stock Light – Foto: Jorge Tadeu / Facebook Gabriel Robe

A prova pode ser resumida em um misto de emoção, um pouco de imaturidade (mas a categoria existe para isso mesmo), um toque impressionante entre Frigoto e Cozzi, além de uma vitória fantástica de Robe, que ainda participará da corrida de Duplas na categoria principal ao lado de Felipe Lapenna. Largando em 3º, Gabriel conseguiu escapar dos incidentes da prova e após abandonos, desclassificações e uma prova limpa, assumiu a ponta após uma bandeira vermelha e venceu. Enzo Bortoletto chegou em 2º lugar e Pedro Cardoso em 3º. Porém, por atitude anti-desportiva, Pedrinho foi penalisado com 20 segundos após a prova e caiu para 6º. Assim, fechou o pódio o piloto Pietro Rimbano – ironicamente, o afetado pelo toque de Cardoso.

O principal incidente foi a confusão causada pelo Gustavo Frigoto ao encher literalmente a traseira do Marco Cozzi, que acabara de efetuar uma dupla ultrapassagem em Rimbano e Pedro Cardoso, partindo para uma potencial e excelente corrida.

Acidente entre Frigoto e Cozzi - Stock Light - Foto: Reprodução
Acidente entre Frigoto e Cozzi – Stock Light – Foto: Reprodução

Em entrevista após ser desclassificado, Frigoto foi realmente muito sincero, assumindo completamente a culpa pelo acidente que acabou com a prova para ambos:

“Sim, tenho total noção que a culpa foi minha. Errei sim, calculei muito mal o espaço e parti para uma ultrapassagem impossível. Peço desculpas mesmo a todos, Cozzi e minha equipe. Mas fica de experiência e seguimos em frente” – disse o piloto da RKL Competições muito chateado

Sem dúvida alguma ficamos impressionados pela SINCERIDADE na declaração de Frigoto, ganhando nosso respeito como piloto e homem!

Raphael Reis - Stock Light - Foto: José Mário Dias / Fotos Públicas
Raphael Reis – Stock Light – Foto: José Mário Dias / Fotos Públicas

Um dos destaques da prova foi Raphael Reis. O piloto da Shell Racing caiu para último após enrosco na primeira volta, no “S” do Senna. Começou então uma corrida de recuperação e após uma bandeira vermelha na metade da prova, ultrapassou diversos adversários e contando com uma boa estratégia da equipe, assumiu o TOP5.

Desta forma, João Rosate, Raphael Reis, Pedro Cardoso, Erik Mayrink, Pedro Boesel, Antoniazzi e Marcel Coletta completaram o TOP10, que terão suas posições invertidas para o grid de largada na Corrida #2 neste sábado às 12:20 (Horário de Brasília) com transmissão pela SporTV3 – VEJA A PROGRAMAÇÃO DA TV completa!

GRID DE LARGADA – PROVA #1

RESULTADO – PROVA #1

PRÓXIMA PROVA

A próxima prova será neste sábado às 12:20 (Horário de Brasília) com transmissão pela SporTV3 – VEJA A PROGRAMAÇÃO DA TV completa!

VEJA TAMBÉM
Marcelo Henrique Dias Abreu .·.

“Um Goiano, acolhido por Mineiros e apaixonado pela família e por esse SUL maravilhoso. Maluco e apaixonado por automobilismo (Fórmula 1, Stock Car, Turismo e as demais), o que não quer dizer especialista!” – Marcelo é o idealizador e um dos colunistas do Tomada de Tempo!