Início Fórmula 1 FÓRMULA 1 – Programação, Horários e Transmissão – GP dos EUA /...

FÓRMULA 1 – Programação, Horários e Transmissão – GP dos EUA / Austin – 2017

486

PROCURANDO sobre o GP do México 2017? Clique aqui!

Foto: Foto Studio Colombo / Pirelli / Fotos Públicas

E chegamos ao GP dos EUA 2017 em Austin! O Circuito das Américas é uma grande criação de Herman Tilke (projetista) e possui seções inspiradas em curvas de outros circuitos pelo mundo. O 1º setor possui curvas rápidas como Silverstone. Já no setor 2, temos uma curva muito parecida com o nosso ‘S’ do Senna. Ainda, a pista é anti-horário e possui diferença de elevação de 41 metros. Divide extremos, possuindo mais curvas rápidas que Spa e mais curvas de baixa que a Hungria. A precisão dos pilotos é o ponto chave! As equipes terão trabalho, pois precisam encontrar o equilíbrio entre velocidade nas retas e estabilidade nas curvas.

Fonte: “Austin circuit” por Gustavo Girardelli

Localização do circuito: Austin, Estados Unidos
Voltas: 53
Percurso: 5513 metros
Curvas: 20
Melhor Pole: Lewis Hamilton – Mercedes V6 Turbo – 1min34s999 – 2016
Volta mais rápida na prova: Sebastian Vettel – Red Bull-Renault V8 – 1min39s347 – 2012
Anos disputados: 5 (Austin)
Maior vencedor (pilotos): Lewis Hamilton (4)
Maior vencedor (equipe): Mercedes (3)

Ano passado quem fez a pole foi Hamilton, que também garantiu o lugar mais alto do pódio na corrida! E este ano? Pagar pra ver! Hamilton tem 59 pontos à frente de Vettel e assim o principal motivo para não perder esta etapa é a real possibilidade de Luizinho já conquistar o título de 2017! Uuuuuuu quêêêê??? Sim, graças as lambanças e azar de Vettel/Ferrari nas últimas etapas, Hamilton pode sim já garantir o “caneco” este final se semana. Basicamente temos 2 possibilidades para tal feito:

  • Hamilton vencer e Vettel ficar no máximo em 6º lugar. Com a vitória, independente da posição de Bottas, Hamilton leva o título!
  • Hamilton em 2º e Vettel fique no máximo em 9º. Bottas não pode subir ao pódio!
  • Qualquer outra posição de Hamilton, a decisão fica adiada para a próxima etapa no México.
Foto: Twitter Oficial F1

Com o retrospecto de Vettel nas últimas etapas e de Hamilton em Austin (venceu em 2012, 2014, 2015 e 2016), o inglês tem sim muitas chances de garantir mais um título na carreira. Na segunda parte da temporada, de 5 etapas disputadas, Hamilton venceu 4. Mas mesmo assim, Lewis prefere não falar disso:

“Falar sobre título aqui em Austin é bobagem. Não se pode esperar que Sebastian tenha um fim de semana ruim, eles serão rápidos. Ele foi forte o ano todo, claro, teve alguns problemas técnicos, mas o carro é muito bom e com certeza estarão fortes neste fim de semana e nas próximas corridas. E assim, nada muda, tenho que continuar sob pressão e não há motivos para recuar” – Hamilton

NOVIDADES

A Renault já colocará na pista seu novo piloto! Carlos Sainz fará sua estreia ao lado de Nico Hulkenberg. Na Toro Rosso, com a ausência de Pierre Gasly este final de semana, assume o “barco” o vencedor das 24 Horas de Le Mans 2017 (WEC) pela Porsche, Brandon Hartley. Ainda, o britânico de 27 anos, foi campeão do WEC em 2015. Mas quanto aos monopostos, Hartley não pilota um há 7 anos e pode parecer brincadeira, mas recebeu um “manual de piloto” para tentar se adaptar o mais rápido possível aos atuais F1.

“Recebi um manual do piloto de 50 páginas. Tenho que aprender todos os procedimentos do carro e do volante. Terei 4 horas de teste antes do treino classificatório e quero muito pensar que será suficiente para me adaptar. Faz seis ou sete ano desde a última vez em que sentei em um monoposto. Procuro olhar para a experiência de uma forma simples… é um carro de corrida, possui quarto rodas e a física por trás do que o piloto precisa fazer para ir rápido ao redor de um circuito não muda muito” – comenta Brandon

E ainda na Toro Rosso, com a saída de Sainz, a vaga será preenchida por Daniil Kvayt, que volta após ser substituido por Pierre Gasly. Vamos ver como se comportará! 0_o

Fotos: EFE

Apesar do suspense nos últimos meses, o esperado acabou acontecendo e FERNANDO ALONSO fechou o contrato com a McLaren para 2018:

“É fantástico poder continuar a minha relação com a McLaren. Era sempre onde o meu coração estava a dizendo para ficar e sinto-me mesmo em casa. É uma equipe fantástica, com pessoas incríveis, com um carinho e simpatia que nunca experimentei em nenhum outro lugar na Fórmula 1. Estou incrivelmente feliz por estar aqui e o mais importante é que a McLaren tem o recurso técnico e força financeira para ser capaz de ganhar muito rapidamente corridas e campeonatos mundiais na F1. Embora os últimos anos não tenham sido fáceis, nós nunca esquecemos como vencer e eu acredito que podemos conseguir isso de novo em breve” – Alonso

ESCOLHA DOS PNEUS

PROGRAMAÇÃO, HORÁRIOS e TRANSMISSÃO

Para REPRISES, acesse nossa programação da TV!

OBS: A Rede Globo NÃO transmitirá a FÓRMULA 1 em virtude de seus contratos com o ESPORTE OFICIAL DO BRASIL – O FUTEBOL \o/

VEJA JÁ: RESULTADO FINAL – Deu Lewis – GP dos EUA 2017!