Fonte: www.fia.com

Nesta madrugada de sábado para domingo acompanhamos a etapa de Suzuka da F1. No icônico circuito nipônico, a batalha esperada não aconteceu.

O começo

Na largada, Lewis Hamilton mantém a ponta seguido de Sebastian Vettel enquanto Max Verstapen e Daniel Ricciardo disputam a primeira curva com vantagem para o holandês.

Um surpreendente Occon surge na quinta posição. Mais algumas curvas e agora é Vettel com problemas que começa a perder posições, primeiro para Verstappen,  depois Ricciardo e Occon.

Com tanta tecnologia, a Ferrari n° 7 é chamada para o box por um motivo ridículo: problema com uma vela. Carro recolhido e Vettel inconformado. Você acredita? Uma vela pode ter contribuído para Vettel não ter mais chance de disputar o campeonato.

O meio…

Sainz se despede da STR com uma escapada de traseira e batida na proteção de pneus. Hulkenberg recomhe para box por quebra da asa móvel e Strol abandona por pneu furado. O safety car virtual trabalhou muito nesta corrida.

O empregado do mês Valteri Bottas novamente obedeceu Toto Wolf e praticamente parou para Lewis Hamilton reassumir a ponta após o pit stop e ficou segurando Verstapen até sua vez de parar e trocar pneus. No retorno e até o final da prova Bottas teve que se contentar em perseguir Ricciardo.

Massa e seu motor Mercedes sofreu mas segurou a décima posição que estava ameaçada por um Fernando Alonso que largara na última posição e mesmo com todos os seus problemas chegou em 11°.

O fim?

Corridas são corridas. Que Hamilton e Alonso não batem pino todo mundo sabe, mas hoje Lewis foi salvo por Fernando na última das 53 voltas.

O inglês da Mercedes reclamava com o box que seu carro estava com algum problema, o holandês da RBR se aproximava perigosamente. Ao chegarem para completar uma volta em Alonso e Massa, Hamilton passa rapidamente por Alonso que retorna e fecha a porta para Verstappen. Max passa na sequência de curvas, mas perde tempo precioso que resulta na vitória do inglês.

Agora a diferença entre Hamilton e Vettel marca 59 pontos a favor do britânico. Deus salve a rainha.

VEJA TAMBÉM
Gilson Roberto Costa
"Professor, Analista de Sistemas, apaixonado pela esposa e filhos e um grande torcedor dos esportes de velocidade. Uma pessoa de bem com a vida que gosta muito de conversar e entender a natureza humana" - Gilson é um parceiro/colunista voluntário do Tomada de Tempo e escreve sobre as mais diversas categorias de esporte a motor no Brasil e no Mundo!
FÓRMULA 1 – Opinião do Torcedor – GP do Japão / Suzuka – 2017

Pin It on Pinterest