Foto: Reprodução

Sobre este assunto, não iria me pronunciar! Já havia prometido que não ia me meter em polêmica mais! Mas… não deu! AINDA espero, mas espero MUITO que as palavras do Max Verstappen tenham outra conotação, diferente da que realmente ficou para todos do CIRCO da Fórmula 1 e para a maioria dos brasileiros! E digo MAIORIA por não querer generalizar, e é aí que está o problema da frase dita pelo novato e iniciante Max Verstappen.

Apenas contextualizando para quem não viu ou leu algo a respeito. Ontem, sábado (15/04/2017), Verstappen acusou Massa de ter atrapalhado a sua volta rápida no Q3 do treino classificatório! Até ai, tuuuudo bem!

“Ficar em primeiro no terceiro treino livre não diz muita coisa, mas ainda parecíamos competitivos. A classificação foi boa, a cada volta ficávamos mais rápidos. Eu me sentia muito bem no qualify. Estava atrás de Hamilton e estávamos nos preparando para nossa última volta, só que acabei sendo atrapalhado. Quando estava me preparando para a última curva, Felipe Massa mergulhou na minha frente e parou. Havia um grande espaço atrás de nós, então fiquei me perguntando o motivo dele ter feito isso. Tive que manter a primeira marcha para ficar a uma distância dele, então meus pneus esfriaram e então minha volta estava arruinada” – disse Max

Mas na sequência da entrevista, perguntado se iria tirar satisfações com Felipe, o postulante a piloto soltou, no calor do momento, a seguinte frase:

Bem, ele é brasileiro, então não tem muito o que discutir. Na curva #1 os pneus estavam frios, então acabei derrapando muito. É uma pena, poderíamos respeitar um ao outro e manter a distância ao invés de tentar se enfiar logo antes da última curva”- Max

Tal comentário revoltou os fãs brasileiros nas rede sociais, ao ponto de alguns o chamarem de “racista”. Como não gosto desse mimimi de racismo exagerado, já que hoje em dia até um bom dia tem sido considerado racismo. E mais… Não quero colocar mais lenha na fogueira, não quero que um pingo vire uma tempestade! Para mim só tem um problema na frase do moleque: ter generalizado!

Seja lá o que ele acha dos brasileiros, muitos podem ter as características das “entre linhas”, mas muitos outros não! Se a rusga dele é com Massa, que cite MASSA e não uma nação!

Foto: Facebook Felipe Massa Fans

Os problemas entre Massa e Verstappen começaram em maio de 2015, no GP de Mônaco. Onde o piloto, então da Toro Rosso, causou acidente envolvendo Grosjean. Massa disse na época:

“Isso mostra que talvez a experiência conte na F1 e acho que esse tipo de acidente pode ensinar muito. Eles precisam controlar melhor esse tipo de coisa porque é muito perigoso. Ele teve sorte de não se machucar. Ele poderia ter saído muito ferido depois do que aconteceu. Foi muito perigoso porque ele só tem 17 anos. Se ele se machucasse, todos iriam falar sobre isso e questionar a razão para ter dado uma licença para alguém que tem 17 anos e fazendo esse tipo de coisa” – Massa

Tal comentário gerou muita polêmica e Max não gostou nada do que foi dito pelo BRASILEIRO. Semanas depois, em uma coletiva, Massa foi questionado se voltaria atrás, mas o brasileiro não voltou e ainda acrescentou:

“Eu disse depois da corrida que ele precisava ser penalizado, porque o que ele fez estava errado. Disse que se você tem 17 anos, faz algo assim e não é punido, não aprende. A FIA precisa ser rígida. Não mudo de ideia. É preciso obedecer às regras”

Verstappen, com a boca livre devido as costas quentes do papai Jos Verstappen, relembrou fato ocorrido entre Massa e Perez no GP do Canadá em 2014:

“Agora todo mundo se acha no direito de falar algo, mas você deveria olhar para o que aconteceu com você no ano passado”

Em seguida, após alguns dias, papai Verstappen resolveu meter o bedelho dizendo que tal reclamação era “típica de Massa” e que o piloto brasileiro está sempre “choramingando sobre os outros”. Para piorar em seu inútil comentário, alias, tão inútil como sua carreira na F1, Jos falou que “os 34 anos de Massa passavam mais negativamente que os 17 do filho”.

Então meu amigo, reforço… não foi a frase de Max, mas a forma! Se tem intriga com Massa, sem problemas… é mais que normal dentro do esporte, mas restrinja seus comentários aos seus alvos e não a um país, uma nação que tem também seu lado positivo, principalmente no esporte mundial! Falo da nação de Harry Potter, de David Beckham e Sean Connery… OPS… isso é Inglaterra… Quer dizer… FALO da nação de AYRTON SENNA, NELSON PIQUET E EMERSON FITTIPALDI, respectivamente tricampeão, tricampeão e bicampeão da Fórmula 1.

Max é um garoto de futuro sim, não tem como negar! Mas espero que não seja vencido pela boca, por um péssimo relacionamento e por ser mimado pelo papai Jos Verstappen! Espero que a carreira de seu pai não seja a única referência para ele, já que é difícil considerar uma carreira! Que ele possa ter como referência grandes pilotos da história e entre eles estarão PRINCIPALMENTE, BRASILEIROS!

Mas falando de coisas boas, veja tudo o que aconteceu na 2ª vitória de Vettel no ano – GP do BAHRAIN 2017!

Marcelo Henrique Dias Abreu .·.
“Um Goiano, acolhido por Mineiros e apaixonado pela família e por esse SUL maravilhoso. Maluco e apaixonado por automobilismo (Fórmula 1, Stock Car, Turismo e as demais), o que não quer dizer especialista!” – Marcelo é o idealizador e um dos colunistas do Tomada de Tempo!
FÓRMULA 1 – Max Verstappen x Felipe Massa – Não foi o conteúdo e sim a forma!
Classificado como:            
X

Pin It on Pinterest

X